Venda de Arroz para fora do Estado requer Nota Eletrônica

O município, por meio da Secretaria da Agricultura, alerta aos agricultores produtores de Arroz, quanto a venda de seu produto para fora do Estado. Segundo o setor, os arrozeiros que destinarem seu grão para fora do Rio Grande do Sul, não podem mais fazer a venda com o seu Talão de Produtor. Agora a exigência é por uma Nota Fiscal Eletrônica avulsa.

Para possibilitar o procedimento o granjeiro precisa ter um cadastro no Banrisul, onde irá ganhar cartão e senha, ou através de certificação digital junto a Caixa Federal. O procedimento é necessário para evitar multas e outros transtornos frente à Secretaria da Fazenda do Estado. O departamento municipal de Agricultura reforça que para os produtores que vendem para dentro do Estado, tudo segue como de costume, com o próprio Talão.

Em Cruzeiro do Sul são 15 arrozeiros que vendem seu produto para fora do RS. Dúvidas podem ser também esclarecidas na Secretaria da Agricultura do município.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...