Videomonitoramento: Quatro agências bancárias se comprometem em assumir parte dos custos do projeto

Em reunião realizada na Acil, na quarta-feira, dia 11, quatro agências bancárias de Lajeado se comprometeram verbalmente em assumir parte dos custos do projeto de videomonitoramento no centro da cidade. Orçado em R$ 400 mil, a Prefeitura de Lajeado destinará R$ 100 mil para viabilizar o projeto, que ganhou o apoio dos bancos Sicredi e Banrisul após o encontro da quarta-feira.

“Cada uma dessas instituições financeiras garantiu R$ 50 mil para o projeto de videomonitoramento, sendo que duas agências do Banrisul destinarão 25 mil cada uma e o mesmo será feito por duas agências do Sicredi”, afirmou o secretário de Trânsito e Segurança Pública (STSP), Gerson Teixeira. Segundo ele, os representantes dos bancos Bradesco, Banco do Brasil, HSBC, Santander, Itaú, Sicredi, Banrisul e Caixa Econômica Federal solicitaram cópias da apresentação do projeto, para decidirem internamente se irão contribuir financeiramente para sua implantação.

De acordo com o secretário, os recursos estão sendo pleiteados em forma de cotas de R$ 25 mil, de modo que as instituições financeiras com duas agências instaladas na área central da cidade contribuam com duas cotas. “Eles terão até o dia 30 deste mês para nos darem uma posição”, adiantou Teixeira, frisando que será feita uma ampla divulgação dos bancos que contribuírem para com o projeto e dos que se absterem.

Durante a reunião, foi realizada a apresentação de imagens captadas por uma câmera igual as que constam no projeto orçado, exemplificando situações de identificação de pessoas e veículos. Conforme o projeto, a empresa Olicenter Informática se responsabilizará pela instalação das câmeras e sistemas de gravação, ficando a cargo da empresa Lógica Sul a adequação da infraestrutura e das redes de fibra óptica. O videomonitoramento seria feito por 17 câmeras novas, com alta capacidade de resolução e aproximação das imagens, sendo que das sete câmeras já instaladas, cinco seriam reaproveitas e duas delas seriam utilizadas como câmeras móveis em eventos.

Além dos representantes de instituições financeiras, participaram da reunião membros da Acil, do Comitê Gestor de Revitalização do Centro Histórico de Lajeado, da Associação de Moradores do Bairro Centro, da Câmara de Vereadores, Brigada Militar, Polícia Civil, Movibento, CDL e Prefeitura de Lajeado.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...