Univates busca alternativas para manter o campus em Encantado e tranquiliza o Executivo

Encantado – O prefeito Paulo Costi e o vice José Calvi, acompanhados pelos secretários municipais da Administração, Fredi Camargo, e de Educação e Cultura, Roseli Mottin Soares, recepcionaram na última quarta-feira, dia 10, o reitor da Univates, Ney Lazzari, e o vice-reitor e pró-reitor de Pesquisa, Extensão e Pós-Graduação, Carlos Cyrne. O assunto principal do encontro foi a manutenção do campus da universidade no município.

De acordo com Lazzari, a unidade foi projetada para atender 700 alunos, mas atualmente possui 60 estudantes. “A baixa procura pelo campus de Encantado é condicionada a uma questão cultural. Realizamos uma pesquisa na região e a mesma apontou que a maioria dos estudantes prefere frequentar o campus central em Lajeado”, explica. O reitor revelou ainda que a demanda regional não é suficiente para a abertura de novas turmas de graduação em Encantado.

Apesar da situação apresentada, a Univates não pretende encerrar as atividades no campus de Encantado. O Poder Executivo municipal e a Univates buscarão alternativas para oferecer à comunidade regional outras opções de utilização do prédio pela universidade. “Entendemos que é de extrema importância a permanência da Univates em nosso município e por isso estamos nos colocando à disposição para intermediar e auxiliar nas decisões que serão tomadas pela instituição”, garante Costi.

A apresentação de possíveis alternativas para utilização da unidade de Encantado depende ainda de decisões internas da Univates, que posteriormente serão apresentadas para a comunidade.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...