Trevo de Encantado custará R$ 2 milhões

Uma das 12 obras elencadas pelo Conselho Comunitário das Regiões Pedagiadas (Corepe trecho 7) como prioritárias para a região, a serem executadas pela Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR), deve sair do papel em breve.

O projeto de reformulação do trevo do Posto Peteba, em Encantado, foi entregue à estatal, na semana passada, pelo consórcio SD STE Dynatest, responsável por elaborar um estudo profundo sobre a malha rodoviária do Estado. A rotatória do Peteba integra a lista de obras projetadas pela EGR para o Vale em 2015.

Por meio da assessoria de imprensa, a EGR diz que em Encantado também será feita uma nova rotatória no cruzamento da ERS-129 com a Rua Santa Clara, para tornar a travessia mais segura. As duas obras entrarão no mesmo processo licitatório. A licitação está sendo elaborada e deve ser publicada em meados de fevereiro.

Uma vez aberto o processo, a empresa estima que o contrato seja assinado 30 dias depois – em meados de março. O prazo para a conclusão da obra é de cerca de seis meses a partir da assinatura do contrato. O custo para a rotatória do Peteba foi orçado em R$ 2 milhões.

O presidente do Corepe 7, Luciano Moresco, observa que a comunidade se mobiliza para a obra há mais de vinte anos. “Ele servirá para a redução da velocidade dos veículos e o aumento da segurança dos pedestres, ciclistas e motociclistas.” Na opinião de Moresco, além da redução do número de acidentes, as melhorias valorizarão a cidade. “Não há como falar em desenvolvimento sem bons acessos, sem mobilidade urbana e de tráfego.”

Obras nas rodovias ERS-130, ERS-129 e ERS-453

A lista de novos projetos e obras previstas para 2015 ainda não foi divulgada pela EGR devido às mudanças previstas na direção da estatal. Contudo, alguns trabalhos já estavam programados em 2014 e seguem ativos neste ano.

A EGR está com obras de restauro e recuperação, desde março de 2014, na ERS-130, ERS-129 e ERS-453. As obras foram licitadas em conjunto e o custo total é de R$ 29 milhões, que devem ser pagos por meio da arrecadação nas praças de pedágio de Encantado, Cruzeiro do Sul e Boa Vista do Sul. O prazo para a execução é de dois anos.

Recentemente, a empresa ampliou a capacidade de um trecho da RSC-453, entre a Rua João Lino Braun e a BR-386, na saída de Estrela em direção a Teutônia, no valor de R$ 260 mil. Também foi concluída a construção de um trevo de acesso à Westfália, também na RSC-453, cujo custo foi de R$ 650 mil.

Saiba mais

A EGR elabora uma licitação para a construção de um acesso à Boa Vista do Sul, na RSC-453. No caso dessa obra, a EGR recebeu o projeto da prefeitura. A estimativa para a publicação da licitação é também para meados de fevereiro. O custo da obra estará entre R$ 800 mil e R$ 900 mil. A estimativa para a conclusão da obra é de cerca de 4 meses a partir da assinatura do contrato.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...