Teutônia autoriza início da construção de pavilhão multiuso

A Administração Municipal vai implantar outro importante projeto que estava no plano de ações estabelecido pelo governo. O prefeito Renato Airton Altmann e o vice-prefeito Evandro Biondo assinaram há algumas semanas o contrato com a empresa vencedora da licitação para construir o pavilhão multiuso na área entre a CIC Teutônia e o Sínodo Vale do Taquari, no Centro Administrativo.

O empresário Namir Reckziegel participou do ato, no gabinete do prefeito. A Metalúrgica Tupi Ltda venceu a licitação realizada pela Administração Municipal para construir o prédio. O valor a ser investido é de R$ 1.099.618,38, com recursos próprios do Município. O preço médio estimado pelo Setor de Engenharia na hora da licitação chegou em R$ 1,2 milhão, mas a concorrência baixou o valor para cerca de R$ 1,1 milhão, isto é, uma economia de R$ 100 mil.

As obras já poderiam ter iniciado há cerca de 40 dias. O atraso foi motivado por duas decisões judiciais (liminares) pleiteadas por empresas que, após concluída toda a licitação – inclusive contrato assinado –, impugnaram o julgamento da habilitação, na qual ambas restaram inabilitadas por não atenderem as exigências do edital de licitação. Após decisão desfavorável em primeiro grau, o Município de Teutônia recorreu ao Tribunal de Justiça (TJ/RS), que revogou uma das liminares, e a outra está suspensa igualmente por decisão judicial em face de recurso interposto pelo Município.

Como será o projeto?

Será construído um pavilhão de concreto pré-moldado com estrutura metálica e telhado, totalizando 3,6 mil metros quadrados. “Este pavilhão servirá para diversas finalidades e é importante sua construção ainda neste ano para que possa ser utilizado na Festa de Maio de 2014”, enfatiza o prefeito Renato Airton Altmann. A projeção de início é imediata, com intenção de concluir até o final deste ano.

A obra visa servir para diversos propósitos: espaço para abrigar a exposição comercial, industrial e de serviços na Festa de Maio; realização de eventos culturais e esportivos; espaço para Feirão de Veículos, Encontro de Carros Antigos, Feira do Livro, Feira da Agricultura Familiar; estacionamento de veículos durante o expediente e para os veículos públicos à noite; entre outros usos a serem disciplinados pelo poder público.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...