Sicredi Vale do Taquari inicia assembleias de 2018 amanhã

A partir desta terça-feira (20) os mais de 51 mil associados da Sicredi Vale do Taquari decidem os rumos da cooperativa para o ano de 2018. As assembleias de núcleo, que no ano passado reuniram cerca de cinco mil pessoas, serão realizadas por agência, com início sempre às 19h30min em ginásios e salões comunitários. Na pauta, a eleição de coordenadores de núcleos efetivos e suplentes e a prestação de contas do exercício 2017, cujo resultado acumulou R$ 26.067.927,00. Desses, R$ 2.308.401,00 já foram pagos em dezembro na forma de juros ao capital e R$ 5.813.368,00 se referem à destinação das sobras para distribuição nas contas correntes dos associados, proporcionalmente ao volume de operações realizadas no ano.

“O que mostraremos nas assembleias é o principal de tudo: o que se produziu na cooperativa, aonde geramos resultado e o que vai estar à disposição do associado”, explica o diretor executivo da regional, Luiz Mario Leite Berbigier. No processo assemblear, ponto alto da gestão, o associado participa das decisões e coletivamente define o futuro da instituição. O presidente Adilson Metz define: “É um direito e um dever do associado. Direito de ele saber como está e o dever de acompanhar e votar”.

Nos eventos, que encerram em 28 de março com a assembleia de delegados, também serão homologadas as Políticas de Sucessão e de Conformidade, Política de Remuneração do Sistema Sicredi, e Norma de Auditoria Interna. Ainda haverá a deliberação para autorizar os delegados a votarem futuramente acerca da expansão da cooperativa para Minas Gerais e outros assuntos de interesse do quadro social. Todos os encontros são exclusivos para os associados da regional Vale do Taquari.

 

Cronograma assembleias
20/02 – Santa Clara do Sul
22/02 – Mato Leitão
23/02 – Boqueirão do Leão
26/02 – Lajeado Centro
27/02 – Lajeado São Cristóvão e Univates
28/02 – Lajeado Florestal
01/03 – Marques de Souza
02/03 – Forquetinha
06/03 – Travesseiro
07/03 – Cruzeiro do Sul
13/03 – Canudos do Vale
14/03 – Progresso
15/03 – Sério
16/03 – Lajeado Conventos

 

Projetos 2018

Expansão para Minas Gerais
Em processo de homologação pelo Banco Central e cuja continuidade do projeto será votada pelos associados, a Sicredi VT planeja a expansão de sua área de atuação para o Estado de Minas Gerais a partir de 2019. A implantação gradual de agências em 26 municípios atenderá uma demanda de 574 mil habitantes e objetiva o crescimento sólido e sustentável da cooperativa com a ampliação da área de negócios.

 

Nova agência Lajeado Centro
A agência que responde por cerca de 40% do resultado da cooperativa ganhará nova sede no Centro de Lajeado e deverá ser inaugurada em dezembro deste ano. A estrutura que hoje ocupa uma área de cerca de 600 m² será transferida para um prédio de aproximadamente 1,3 mil m² localizado em frente ao atual, garantindo maior comodidade e qualidade nos serviços prestados.

 

Sicredi Empresas
A nova modalidade de atendimento direcionada a empresas de grande porte será implantada a partir de março deste ano, no centro administrativo em Lajeado. O serviço proporcionará melhor atendimento e versatilidade a todas as agências, que passarão a ofertar serviços direcionados e especializados conforme a necessidade de cada público.

 

Ações sociais na região

Fundo Filantrópico
Seguindo a missão de contribuir para a melhoria da qualidade de vida dos associados e da comunidade, a Sicredi Vale do Taquari criou, em 2017, o Fundo Filantrópico, através do qual destina 2% das sobras líquidas anuais para apoiar projetos culturais e sociais da área onde atua. Em seu primeiro ano foram beneficiadas 62 entidades e para 2018 já estão reservados cerca R$ 465 mil, cujo pleito abrirá inscrições em abril.

 

Programa a União Faz a Vida
Entre as ações sociais desenvolvidas pela Sicredi no Vale se destaca o A União Faz a Vida, o qual promove a cooperação e a cidadania entre crianças e adolescentes por meio de práticas educativas. Atualmente o programa ocorre nos municípios de Lajeado, Marques de Souza e Travesseiro, envolvendo 18 escolas, mais de 350 professores e cerca de três mil alunos.

 

Fonte Simone Rockenbach

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...