Reuniões debatem uso da água, irrigação e piscicultura em municípios do Vale do Taquari

Vale do Taquari – Uma série de reuniões realizadas entre terça e quarta-feira, dias 9 e 10, nos municípios de Tabaí, Paverama, Relvado e Estrela debateu o assunto da reservação da água, da irrigação e da piscicultura. Em cada um dos encontros, integrantes da Secretaria de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR/RS) e da Emater/RS-Ascar, apresentaram às administrações municipais detalhes a respeito dos programas “Irrigando a Agricultura Familiar” e “RS Pesca e Aquicultura”, desenvolvidos pela SDR/RS.

A intenção é ampliar, em cada um dos municípios, as ações voltadas ao uso da água, considerando as potencialidades e as demandas dos produtores locais e também realizar a integração das ações dos municípios com os programas do Governo do Estado. O assessor do Departamento de Pesca, Aquicultura, Quilombolas e Indígenas (Dpaqui) da SDR/RS, Maycon Schubert, explica que este primeiro contato é importante para que sejam niveladas as demandas existentes, com vistas a incentivar as prefeituras a desenvolverem programas municipais próprios que organizarão as atividades e podem ampliar a alocação de recursos dos municípios e dos  Governos Estadual e Federal.

Para o diretor do Departamento de Infraestrutura Rural, Irrigação e Usos Múltiplos da Água (Dinfra) da SDR/RS, Vilmar Galvão, o Governo do Estado estimula as ações de reservação de água através dos programas de irrigação, pesca e aquicultura, disponibilizando recursos subsidiados, ampliando também o parque de máquinas para apoiar os agricultores, trabalhando em parceria com os municípios. Além dos recursos, os programas possibilitam o acesso aos licenciamentos ambientais e oferecem cursos de capacitação gratuitos aos agricultores, ministrados por técnicos da Emater/RS-Ascar.

O prefeito de Paverama, Vanderlei Markus aprova a ideia e acredita que o aumento na produção local de peixes, por exemplo, pode significar uma alternativa saudável para a merenda escolar. Para Markus, há um grande potencial para investimentos nas áreas de pesca e aquicultura e para auxiliar já está sendo elaborado um levantamento completo a respeito de quantidade de produtores que trabalham com peixes. “Esse ‘pontapé inicial’ é importante para que saibamos onde estamos pisando, pela possibilidade do trabalho em parceria e para que as ações sejam feitas de maneira viável”, diz.

Finalizadas as reuniões, as prefeituras e outras instituições locais manifestaram o compromisso em estruturar programas municipais e em assinar o Termo de Cooperação com a SDR/RS que permitirá a operacionalização dos programas e a disponibilização de máquinas, por parte do estado, para a realização de obras. Ficou agendada visita conjunta dos administradores desses municípios ao secretário Ivar Pavan, da SDR/RS, para oficializar a assinatura dos termos de compromisso.

O exemplo de Estrela

Lançado no final de fevereiro desse ano, o “Programa Municipal de Incentivo à Aquicultura e Irrigação”, da Administração Municipal de Estrela – em parceria com outras entidades – visa a auxiliar produtores rurais a limpar, reformar, ampliar ou mesmo construir açudes destinados à aquicultura ou a irrigação da lavoura. O programa integra as secretarias da agricultura, meio ambiente e a extensão rural e participam os produtores que tenham talão e que estejam cadastrados como agricultores familiares.

Para o coordenador regional da SDR/RS, Mauro F. Stein, o trabalho desenvolvido em Estrela é um exemplo, pois neste município a piscicultura está sendo estimulada na produção de forma sustentável e na comercialização, que é feita em feiras realizadas a cada quinze dias, durante todo o ano, atraindo os consumidores locais e de toda região.

Para Stein, o trabalho desenvolvido na forma de programas municipais dá foco às ações a serem realizadas, evita a dispersão de esforços e possibilita a obtenção de resultados bem definidos. “Na área da piscicultura, o desafio é organizar a cadeia produtiva, desde a produção, passando pelo o beneficiamento, até o acesso ao mercado, que pode ser feito nas feiras municipais e agora também nos programas de compras institucionais como é o caso do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE)”, enfatiza.

Saiba mais sobre os programas da SDR/RS visitando o site www.sdr.rs.gov.br.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...