Renato Scheffler eleito presidente da CIC Teutônia para o biênio 2016-2017

Na noite de 31 de março a CIC Teutônia realizou Assembleia Geral Ordinária. Na ordem do dia, destaque para prestação de contas, compreendendo relatório de atividades do ano de 2015; demonstrativos contábeis do ano de 2015; e parecer do Conselho Fiscal sobre as contas de 2015; alteração da contribuição dos associados e eleição e posse da Diretoria e do Conselho Fiscal. O evento ocorreu no Auditório 03 da entidade e contou com a presença de associados, autoridades, representantes de entidades coirmãs e imprensa.

Relatório de atividades

A secretária executiva da CIC, Carina Schulte Bolfe, conduziu apresentação do relatório de atividades da entidade no último exercício. “Estas são algumas das ações que desenvolvemos ao longo de 2015, entre elas a variada agenda de atividades da diretoria. Agradecemos a todos os diretores pelo envolvimento voluntário, dispondo de algumas horas do seu tempo pela entidade. A CIC é fruto da dedicação de todos, diretores, colaboradores e associados”, resumiu.

Carina também ressaltou a importância do Planejamento Estratégico, implementado e desenvolvido desde 2002. “Todas as diretorias que estiveram à frente da CIC, juntamente com a equipe de colaboradores, ‘compraram’ esta ideia. Desta forma, todos os projetos que desenvolvemos estão ligados a esse planejamento, o que nos permite seguir caminhando em frente. A fotografia desse trabalho pode ser resumida com o incremento do nosso quadro social, que fechou 2015 com 501 associados, nos colocando como uma das maiores entidades empresariais dos Vales do Taquari e Rio Pardo”, concluiu, ressaltando ainda a pesquisa de satisfação aplicada junto aos associados e que revelou satisfação de 81,72%. “Além do excelente índice de satisfação, a pesquisa também compilou sugestões de melhorias apresentadas pelos associados, as quais serão trabalhadas ao longo do ano com cada uma das diretorias setoriais”, acrescentou.

Por fim, os demonstrativos contábeis foram apresentados pelo contador da CIC, Ovídio Driemeyer, os quais foram aprovados por unanimidade. Na oportunidade os associados presentes à assembleia ainda aprovaram de forma unânime a majoração em 10,67% no valor das mensalidades, atrelado ao IPCA acumulado de 2015.

Eleições

Uma única chapa de proposição da diretoria para a gestão 2016-2017 foi apresentada e eleita por unanimidade, tendo como presidente Renato Lauri Scheffler, da empresa Reinigend Química do Brasil. Seus pares de diretoria são Mariza Wolf, como vice-presidente geral; Júlio Augusto Sulzbach, vice-presidente da Indústria; Gerson Aurélio Gräbin, vice-presidente do Comércio; Claudiomiro José Knebel, vice-presidente de Serviços; Rosita Jussara Schneider, vice-presidente de Infraestrutura; Gustavo Luiz Schnoremberger, tesoureiro; e Francisco Diel, vice-tesoureiro. Os efetivos do Conselho Fiscal são Ido Sulzbach, Rainer Büneker e Vicente Feldkircher, com os suplentes Renita Altmann, Jonas Rückert e Veridiana Johann. Cada vice-presidência ainda conta com seus diretores setoriais, totalizando 41 diretores (a nominata completa pode ser conferida no site da CIC Teutônia – www.cicteutonia.com.br).

Criatividade para evoluir

Em seu discurso como presidente, Renato Scheffler destacou o trabalho da entidade ao longo de 16 anos. “Houve muito empenho de todas as diretorias, o que nos permitiu a oferta de uma grande variedade de serviços, a realização de diversas ações e a construção desta infraestrutura à disposição dos associados. O Planejamento Estratégico nos orienta e prevê metas, alcançadas com o empenho de todos os diretores e nossos colaboradores”, frisou, reafirmando ainda o valor das parcerias, em especial com o Poder Público Municipal. “Temos a confiança do Executivo e do Legislativo de Teutônia, o que nos permite promover eventos como a Festa de Maio e as tratativas para instalação da Escola Técnica do Senai no município”, acrescentou.

Na gestão anterior, Scheffler foi vice-presidente e acabou respondendo pela presidência da CIC a partir da saída do presidente eleito para o biênio 2014-2015, Waldir José Piccinini. “Agradeço o apoio de todos, que foi fundamental nesse um ano e meio em que já estive respondendo pelo cargo de presidente. Foi uma situação nova que exigiu muita dedicação e auxílio de toda diretoria, dos associados e colaboradores”, disse.

Agora ocupando, de fato e de direito, o cargo de presidente, Scheffler também agradeceu aos pares de diretoria que lhe acompanham na nova gestão, em especial aos associados que confiaram no trabalho e permitiram a continuidade das atividades pelos próximos dois anos.

Sobre o atual cenário político e econômico brasileiro, Scheffler voltou a destacar a necessidade de união. “Precisamos de criatividade para evoluir, inovação essa para que a engrenagem do desenvolvimento econômico não pare. Precisamos ser bons gestores para conduzir a empresa em meio a tantas situações difíceis, por isso tenho a convicção de que nossos empresários são muito corajosos. Precisamos unir esforços, e esta é a função da CIC, agrupando seus associados em prol do desenvolvimento local e regional”, finalizou.

Elogios

O presidente da Associação Gaúcha para Desenvolvimento do Varejo (AGV), Vilson Noer, elogiou o trabalho da CIC. “Esta diretoria assume um grande desafio perante esta fantástica entidade que é a CIC Teutônia. Vocês são referência no trabalho em equipe que conseguem fazer. Toda vez que venho para cá saio energizado daqui. Esta região é muito rica, com um diferencial dos agentes econômicos multifacetados, o que enriquece muito o poder de fortalecer o empreendedor local. Isso é fruto de muito trabalho, de transparência, de capacidade de empreender”, enalteceu.

O presidente da CIC Vale do Taquari, Ito Lanius, igualmente falou da capacidade empreendedora da região. “Este empenho e dedicação são fundamentais para o desenvolvimento. Fruto disso, inclusive, é a criação da CIC Vale do Taquari, constituída pelos empresários da região para atuar em ações que transponham as divisas municipais, como a luta pelas obras de duplicação da BR-386. E nesse contexto também a CIC Teutônia está diretamente envolvida”, disse, destacando ainda a bandeira regional por investimentos em energia elétrica, fundamental para a retomada do crescimento econômico e representatividade do Vale do Taquari para a economia do Estado.

A presidente do Poder Legislativo de Teutônia, vereadora Mareli Lerner Vogel, também falou de trabalho conjunto. “Precisamos da união de esforços para superar as dificuldades. Juntos podemos dizer qual o caminho, com uma política de gestão e comprometimento para voltarmos a crescer. O Legislativo Municipal é parceiro da CIC Teutônia”, afirmou, parabenizando a todos que estão à frente da entidade.

O prefeito de Teutônia, Renato Altmann, agradeceu todo o trabalho já desenvolvido pela CIC. “Este é um momento de compartilhar, de parabenizar e de agradecer por tudo que a CIC já fez pela história de Teutônia, um trabalho de credibilidade e honestidade”, enalteceu. Ele ainda falou de perspectiva positivas de crescimento para Teutônia, “fruto da organização e da gestão de empresários, agricultores, comunidade e entes públicos locais”, citando a instalação de frigorífico bovino em Linha Clara. “A boa política é consequência da boa gestão. A crise brasileira é um problema estrutural, de falência político-partidária. Precisamos da reformulação, da valorização do trabalho realizado nos municípios, precisamos que os impostos gerados pelos nossos empresários permaneçam mais aqui, onde as coisas acontecem”, concluiu Altmann.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...