Campanha busca reação da sociedade para superar queda no consumo

Mais de cem pessoas prestigiaram a reunião-almoço realizada nesta terça-feira, dia 1º, na sede de Associação Comercial e Industrial de Lajeado (Acil). Promovido em parceria com a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) Lajeado, o evento deu amplitude à Campanha Reage RS, que apresenta como slogan a frase “Não dê voz e vez ao medo”. O assunto foi abordado pelo presidente da Associação Gaúcha para o Desenvolvimento do Varejo (AGV), Vilson Noer. A ação estadual busca uma reação da sociedade aos cenários econômico, social e de segurança, a qual reflita na retomada do consumo. “Dinheiro existe, só que ficou retraído. Pedimos que as pessoas reflitam, pois se ficarmos em casa, vai piorar”, afirmou Noer.

O dirigente relatou o histórico da campanha, que conta com o engajamento de várias entidades empresariais gaúchas. “O Brasil está numa situação ruim, e o Rio Grande do Sul pior ainda”, citou, lembrando situações econômicas e políticas relacionadas. Contudo, afirmou, as pessoas não podem ficar paralisadas, porque isso é ruim para todos. “A população está retraída, precisamos retomar a confiança”, destacou. Noer citou efeitos negativos relacionados à redução do consumo, como o desemprego, a queda da arrecadação e o fechamento de empresas.

O presidente da AGV elogiou as entidades locais que apoiam a divulgação da Reage RS e citou outros exemplos positivos importantes para o varejo, como as campanhas natalinas de Lajeado e de Esteio, que estimulam os consumidores às compras. Para ele, também é necessário que as empresas executem ações paralelas de reação. “Reduzir custos, despesas, mudar o jeito de atender”, listou. Ele adverte para o novo cenário e diferentes tendências de consumo que exigem mudanças por parte das empresas.

Ao final do evento, ao lado dos presidentes da Acil, Alex Schmitt, e da CDL Lajeado, Daniel Dullius, Noer respondeu a perguntas da plateia. A reunião-almoço contou com a presença de inúmeras autoridades, entre as quais o prefeito de Lajeado, Luís Fernando Schmidt, e a vice-presidente da Federasul, Simone Diefenthaler Leite.

Entidades apoiadoras

A Reage RS tem o apoio local de Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) Lajeado, Associação Comercial e Industrial de Lajeado (Acil), Câmara de Indústria, Comércio e Serviços de Vale do Taquari (CIC-VT), Sindicato da Construção Civil do Vale do Taquari (Sinduscom-VT), Sindilojas Vale do Taquari, Sindicato dos Contadores e Técnicos em Contabilidade do Vale do Taquari (Sincovat), Associação das Empresas de Serviços Contábeis (Aescon) e Câmara de Comércio, Indústria e Serviços de Estrela (Cacis).

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...