Público se emociona com a IX Paixão de Cristo em Imigrante

Grande público prestigiou a Paixão de Cristo em Imigrante e se emocionou com o maravilhoso espetáculo, que chegou à sua IX edição em 2014. Em virtude do mau tempo, a apresentação de sexta-feira, dia 11, foi transferida para o domingo, dia 13. Já no sábado, o evento transcorreu normalmente.

Nem a chuva de sábado e o frio de domingo espantaram as milhares de pessoas que assistiram as duas apresentações, que ocorreram em frente ao Convento Franciscano São Boaventura, no Bairro Daltro Filho, em Imigrante.

Várias novidades complementaram o espetáculo, entre elas um show piro musical e o show com o cantor tradicionalista Délcio Tavares, que mescla a cultura tradicionalista com a música italiana e religiosidade. Seu repertório foi voltado à família, como uma forma de mostrar através da música o verdadeiro valor, dentro da sociedade atual. “Poder apresentar-me junto a esse grande evento, que traz essa espiritualidade e reflexão, coincide com a mensagem que pretendo passar durante os shows”, complementa ele.

Cerca de 60 atores da comunidade imigrantense e localidades próximas interpretaram os personagens da história de Cristo. Nesta edição, o espetáculo contou com a participação de três atores profissionais, Emílio Farias como Jesus Cristo, Dmitri Rodrigues como Herodes e o diretor Emilio Speck que teve algumas participações, entre elas, João Batista.

Cenas fortes chocaram e emocionaram o público. Neste ano, as novidades com água e fogo encantaram e surpreenderam, como o rio Jordão, criado no cenário e ainda o malabarismo com fogos na cena do tentador. Também, o realismo da interpretação, como no enforcamento de Judas e a Via Sacra, onde Jesus foi açoitado e crucificado e a emoção dos personagens a ele ligados, na difícil tarefa de vê-lo sofrer até a morte sem poder ajudá-lo. Para finalizar, a alegria da ressurreição como forma de renovar a esperança em tempos melhores.

A turista Marli Pagani Casagrande de Criciúma, Santa Catarina, foi uma das participantes que se encantou com a apresentação. Cerca de 30 catarinenses, vindos das cidades de Criciúma, Trevisos e Siderópolis, visitaram o Vale do Taquari por intermédio da Imitur Viagens e Turismo e além de prestigiarem a encenação, estiveram no Cactário Horst e no Convento. “A encenação foi maravilhosa, o espetáculo por si só, já fez a viagem valer a pena”, afirma Pagani. Segundo ela, o grupo quer voltar no próximo ano para assistir e pretende se hospedar no Convento.

O crescimento pessoal de cada ator foi acompanhado pelo diretor Emilio Speck, que dirigiu o espetáculo pela quinta vez, além de participar dos espetáculos desde a segunda edição. Para ele, o engajamento do grupo, a dedicação bem como o estudo realizado para compor os papéis é o que enriquece cada um como pessoa. “Isso torna o trabalho extremamente gratificante, pois posso dizer que conheço cada um, vejo um crescimento enorme que me deixa satisfeito, pois é a garantia que o trabalho foi bem feito, não só pelos atores, mas pela comunidade como um todo”, explica o diretor.

Emilio Farias é ator profissional e interpretou Jesus Cristo nessa edição do evento.Para ele, existe algo que faz os amantes do teatro seguirem a profissão, independentemente da instabilidade e dificuldades do ramo, e essa motivação é muito forte entre o grupo que encena a Paixão de Cristo. “Além do lugar ser único, a energia que existe entre o grupo também é única. Percebe-se que o elenco está presente em sua plenitude, pois as pessoas realmente se doam para o espetáculo e isso é muito importante”, reforça ele.

O prefeito de Imigrante, Celso Kaplan, agradece a toda a equipe que tornou possível o espetáculo, bem como ao grande público que prestigiou o evento nos dois dias. “A Paixão de Cristo, oficialmente um evento estadual, mais uma vez foi sucesso e é um orgulho para o município de Imigrante. Em nome da Administração Municipal, parabéns e o nosso muito obrigado a todos pelo sucesso mais uma vez alcançado”, cumprimenta Kaplan.

A IX edição da Paixão de Cristo foi realizada pela Associação Cultural de Imigrante, apoiada pelo Governo de Imigrante e TBT Produções, patrocinada por Gota Limpa produtos de limpeza e financiada pelo Pró-Cultura, Lei Nº 13.490 de 2010.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...