Plano de saúde da Unimed VTRP é avaliado como um dos melhores do país

A Unimed Vales do Taquari e Rio Pardo (Unimed VTRP) é referência no Brasil em se tratando de qualificação de planos de saúde. Entre as operadoras de grande porte, que têm mais de 100 mil beneficiários, a cooperativa obteve a segunda melhor pontuação do país, em levantamento realizado pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). Este órgão, vinculado ao Ministério da Saúde e responsável por regular o setor, avaliou mais de 1,1 mil operadoras e divulgou os resultados na quarta-feira, dia 19.

A projeção nacional foi obtida no Índice de Desempenho da Saúde Suplementar (IDSS), que é calculado anualmente pela agência, e cujo mais recente resultado se refere ao ano-base 2013. Em uma escala de 0 a 1, a Cooperativa Médica sediada em Lajeado conquistou a nota 0, 85626 (veja na tabela abaixo as dez operadoras mais bem pontuadas na categoria grande porte). O índice leva em conta os desempenhos de atenção à saúde, econômico-financeiro, estrutura de operação e satisfação dos beneficiários.

O presidente da Unimed VTRP, médico Carlos Antonio da Luz Rech, comenta que o resultado do IDSS é reflexo de todo o empenho que a Cooperativa vem tendo para estar cada vez mais alinhada às necessidades dos clientes, gerenciando os cuidados com sua saúde. “Por isso, há três meses fomos a primeira operadora gaúcha a conquistar a Acreditação, considerada atualmente a maior certificação do setor de saúde suplementar”, completa Rech.

Para obter a Acreditação, uma operadora de planos de saúde deve atender a maior parte dos 147 requisitos elencados pela ANS na Resolução Normativa (RN) 277, que foi publicada em novembro de 2011 e é de adesão voluntária. A maioria dos itens está focada no cliente, considerando sua satisfação, prevenção de doenças, promoção à saúde, disponibilidade de rede credenciada de serviços (médicos, hospitais, clínicas e laboratórios) e infraestrutura oferecida.

Números

  • A Unimed VTRP completa 43 anos em 11 de dezembro;
  • Abrange 59 municípios dos vales do Taquari, Rio Pardo e região do Jacuí;
  • Na região, conta atualmente com 686 médicos cooperados (em mais de 40 especialidades médicas), além de uma rede credenciada com 33 hospitais, 156 clínicas e 84 laboratórios;
  • Tem 537 colaboradores;
  • Atende mais de 223 mil clientes, em diferentes regiões do país.

As 10 primeiras na categoria grande porte

Operadora – Resultado do IDSS

  • Unimed BH – 0,89199
  • Unimed VTRP – 0,85626
  • Unimed Campo Grande -0,85059
  • Unimed Curitiba – 0,85009
  • Unimed Maringá – 0,83966
  • Unimed Nordeste – 0,8335
  • Unimed São José do Rio Preto – 0,82781
  • Unimed Blumenau – 0,82665
  • Unimed Paraná – 0,81249
  • Unimed Juiz de Fora – 0,81201
    Fonte: Revista Exame.com

Formação do índice

O valor do IDSS é formado por quatro dimensões. Confira os aspectos considerados em cada uma delas:

  • Atenção à Saúde
    Equivale a 40% da nota final e avalia a qualidade da atenção, buscando avaliar as ações de promoção, prevenção e assistência à saúde prestada aos beneficiários de planos privados de saúde. Considera indicadores como: taxa de mamografia, proporção de parto cesáreo, taxa de internação hospitalar, programa de Promoção da Saúde e Prevenção de Riscos e Doenças.
  • Econômico-Financeiro
    Este ponto corresponde a 20% da nota final. Acompanha o equilíbrio econômico-financeiro das operadoras de plano de saúde sob o ponto de vista das condições de liquidez e solvência, avaliando a capacidade de manter-se em dia com suas obrigações financeiras junto a seus prestadores para o atendimento com qualidade e de forma continua a seus beneficiários.
  • Estrutura e Operação
    Responsável por 20% da nota, afere as condições da oferta de rede de consultórios, hospitais, ambulatórios, laboratórios e centros diagnósticos oferecidos pelas operadoras de planos de saúde para o atendimento de seus beneficiários. Além disso, avalia o cumprimento das obrigações técnicas e cadastrais das operadoras junto a ANS.
  • Satisfação do Beneficiário
    Determina 20% da nota final, utilizando indicadores para avaliar a satisfação dos beneficiários nas operadoras. Também mede a o índice de reclamações dos beneficiários e a gravidade das infrações à legislação cometidas por parte das operadoras.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...