Peiex realiza rodadas de negócios em setembro

Organizadas pelo Núcleo Operacional do Projeto Extensão Industrial Exportadora (Peiex) da Univates e pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex), rodadas de negócios ocorrerão com participação de nove Núcleos Operacionais do Peiex Rio Grande do Sul. O evento será em 25 de setembro, no terceiro andar do Prédio 12 da Univates.

Na ocasião, estarão presentes diversos traders – profissionais especializados em comércio internacional – de São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Portugal, intermediadores de contatos entre empresas e possíveis compradores de produtos em diferentes mercados do exterior. Além deles, empresários participantes do projeto dos núcleos operacionais do Estado, os técnicos extensionistas desses núcleos e os representantes da Apex-Brasil também integrarão o evento.

A atividade consiste em aproximar empresas potenciais com o mercado internacional, por meio da exportação. “As rodadas de negócios são uma ótima oportunidade para que as empresas atinjam esse objetivo”, destaca a assessora técnica do Peiex/Univates, Juliana Friedrich.

O momento também servirá para que os empresários apresentem seus produtos aos traders que, por sua vez, avaliam a demanda por esses produtos em outros países, bem como a viabilidade da exportação e do desenvolvimento de novos mercados para empresas já atuantes no mercado externo.

Além de participar das rodadas, as empresas contarão contar com atendimento individual de entidades como Correios, Cin/Fiergs, Banco do Brasil, INPI e INMETRO.

Saiba mais sobre o Peiex/Univates

O Núcleo do Peiex/Univates acumula experiência na organização de quatro rodadas de negócios, sendo a última em 2013, com cerca de US$ 5,1 milhões de negócios fechados entre negociações imediatas e futuras.

Para esta edição, a nível estadual, a expectativa é superar esses números. As inscrições, já encerradas, ultrapassaram a média esperada: 150 empresas inscritas. Além disso, a presença de traders de outros locais do país e mundo visam qualificar a ação.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...