MDA faz entrega oficial de veículo para comunidade de Colinas

Colinas – O delegado federal do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) no Rio Grande do Sul, Marcos Regelin, esteve na tarde da última quinta-feira, dia 25, no município de Colinas, para realizar a entrega oficial de um veículo Kombi, zero quilômetro, para a comunidade colinense. O utilitário, do tipo furgão, equipado com sistema de refrigeração interna, acoplado ao motor, poderá ser utilizado por todos os produtores envolvidos na agricultura familiar, no município. Além da Kombi, foram entregues cinco balanças, quinze mesas com quatro cadeiras e um guarda-sol em cada e um deles e um toldo de lona vinílica, num total de cerca de R$ 80 mil em recursos.

A articulação para a elaboração do projeto que resultou na obtenção do veículo e dos equipamentos teve início ainda no ano de 2009. Na época, com o apoio da Emater/RS-Ascar, do Sindicato dos Trabalhadores Rurais (STR) e do Conselho de Desenvolvimento Rural, grupos de feirantes, de agricultores familiares que trabalham com a alimentação escolar, de artesãos, da Associação de Mulheres Colinenses (AMC) e outros, se organizaram para encaminhar a reivindicação. “É um processo que demora, mas quando vemos o resultado, nos animamos para seguir trabalhando”, comemorou a presidente da Câmara dos Vereadores de Colinas, Marli Stiegemeier.

O prefeito Gilberto Keller exaltou a possibilidade de obter máquinas e equipamentos com recursos estaduais e federais. “Muitas vezes a comunidade nos demanda e nem sempre conseguimos atender as reivindicações”, enfatizou. A Kombi possibilitará a ampliação do transporte de verduras e frutas, em melhores condições de temperatura e higiene, beneficiando não apenas os produtores, mas a comunidade também. “Ações como essa podem até parecer pequenas num universo de grandes investimentos, mas com certeza são significativas para que o produtor continue no campo. Nunca se viveu um momento tão positivo para a agricultura familiar”, avaliou.

No ato de entrega das chaves, o delegado do MDA Marcos Regelin também mostrou satisfação. Para ele é importante ver o agricultor gestionando suas próprias demandas, participando da agricultura do município, levando a sério o tema. “Sabemos que o dinheiro nunca será o suficiente, mas a intenção sempre será a de atender e contemplar a maior quantidade de produtores possíveis”, afirmou. Regelin chegou a lembrar a sua época de produtor rural em seu discurso. “Trabalhei durante 22 anos em feiras de hortigranjeiros, pegando chuva, sol, frio e calor. Também sei o que representa poder qualificar a nossa produção”, enfatizou.

Produtores comemoram

Uma das agricultoras que comemorou a possibilidade de contar com veículo para o transporte de alimentos, foi a dona Lourdes Reni Scharb, de Linha Leopoldina. Com uma produção altamente diversificada, entrega hortigranjeiros e frutas para as escolas do município, participando também de feiras. “Lutamos muito por isso e agora estamos colhendo os frutos”, enfatizou. Dona Lourdes também elogiou a atuação do coordenador regional da Secretaria de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR/RS), Mauro F. Stein, que, na época do início das articulações, era extensionista da Emater/RS-Ascar no município. “Quando a gente desanimava, o Mauro sempre nos puxava e dizia pra não desistir”, sorriu.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...