Junta Comercial de Encantado – agilidade para a região

Instalado junto à Aci-e, o órgão de registros e baixas de empresas se destaca pela rapidez na análise de processos

Encantado – A agilidade é o grande diferencial dos serviços prestados pela Junta Comercial de Encantado, órgão que funciona junto à Aci-e devido à parceria estabelecida por ambos desde 1989.
A demanda por autenticação de livros mercantis e por processos de registros e baixas de empresas cresce constantemente. Em junho de 2016, conforme a analista de processos Luisana Fronchetti, a quantidade de processos analisados no período era 130. “No mesmo mês, em 2017, esse número já se ampliou para 150”, compara.
Segundo Luisana, a maior demanda refere-se a empresas de pequeno porte e no segmento Prestação de Serviço. Uma peculiaridade chama a atenção da analista. “No último mês, houve muito pedido de registro na área de erva-mate. É um setor que vem se expandindo em nossa região”, destaca.
Em geral, os processos levam de um a dois dias para estarem concluídos.
De acordo com a auxiliar contábil Ilzamara Biasotto, do escritório contábil Concatto, de Arvorezinha, a permanência de uma seção regional da Junta Comercial do RS em Encantado é fundamental. “A facilidade e praticidade que proporciona aos contadores é fantástica”, reconhece.
Tempo de espera
Se antes, quando o escritório contábil Conzatti & Bonfadini, de Nova Bréscia, utilizava os serviços da Junta Comercial de Porto Alegre, o tempo de espera para o retorno de um processo era de 20 a 25 dias, agora, a partir do acesso ao serviço estabelecido em Encantado, esse prazo reduziu-se para dois dias. Esse dado tornou a relação escritório de contabilidade versus cliente ainda mais positiva. Quem declara é a auxiliar contábil Gecilda Ana Schena Vendramin. “Com a Junta Comercial em Encantado, a diferença é muito grande; conseguimos atender o cliente ainda melhor, e bem mais rápido”, reforça.
Região de abrangência
A sede da microrregião está sediada em Encantado, junto a Aci-e, e atende a demanda de registro de livros mercantis de empresas sediadas nos municípios de Anta Gorda, Arvorezinha, Coqueiro Baixo, Doutor Ricardo, Encantado, Ilópolis, Muçum, Nova Alvorada, Nova Bréscia, Putinga, Relvado, Roca Sales e Vespasiano Corrêa.
A demanda de processos, entretanto, pode ser originária de qualquer município do RS.

Fonte Imprensa ACI-E

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...