Industrialização valoriza o produto e garante sucesso

O Vale do Taquari concentra mais de 110 agroindústrias, o maior número do Estado. O beneficiamento da produção, além de valorizar a matéria-prima, garante a sucessão. Em Fazenda Vilanova, Valdeci Linemann, a popular “Gringa”, 43, trabalha com o marido e os dois filhos em uma agroindústria de conservas de hortaliças.

Há cinco anos o empreendimento foi legalizado e construído um novo pavilhão para atender exigências sanitárias e demanda crescente do mercado pelos produtos. O investimento passou de R$ 200 mil. O carro-chefe é a produção de pepinos. Em três estufas são colhidas 1,5 tonelada do fruto durante sete meses ao ano. Outros 53 produtos são processados e vendidos para mercados da região. As frutas e demais hortaliças são compradas de outros produtores. “Com renda garantimos a sucessão do negócio.”

A demanda é maior do que a oferta em alguns meses do ano. “Poderíamos vender mil unidades por dia se tivéssemos.”

Os preços variam de acordo com a embalagem. Em média custam R$ 3. Enquanto que Robison, 25, auxilia no processamento e nas vendas, Anderson, 24, ajuda o pai na lavoura. “Aqui somos donos do negócio. Com produtos de qualidade e preços acessíveis, garantimos um bom salário ao mês”, comenta Robison.

Profissionalização e qualidade

Por muitos anos Valdeci industrializava os produtos nos fundos de casa. Com orientação técnica, cursos e construção de um novo prédio conseguiu elevar a qualidade e a quantidade de produtos, principalmente do pepino. Entre as dificuldades, destaca a falta de matéria-prima para atender a demanda. Mesmo com auxílio de estufas, produtos como tomate, vagem, frutas e temperos são comprados de outros produtores.

Mesmo com demanda garantida, descarta a possibilidade de fazer parcerias e incentivar a produção integrada. “Nosso foco é qualidade e bom atendimento.” Cerca de 90% da produção é vendido diretamente na propriedade. O restante é levado para mercados da região.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...