Indústria de leite em pó da Dália Alimentos recebe habilitação para exportação

O complexo industrial de leite em pó da Dália Alimentos localizado em Palmas, no município de Arroio do Meio, está habilitado para exportação. A circular com a autorização para comercializar a produção a outros países foi expedida pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) no fim do mês de abril.

Com a habilitação será possível exportar todos os produtos fabricados na unidade inaugurada em 2012, entre eles leite em pó e leite UHT. Os destinos incluem países que aceitam as normas sanitárias do Brasil, inclusive a China.

O presidente Executivo da Dália Alimentos, Carlos Alberto de Figueiredo Freitas, lembra que houve morosidade na conquista da habilitação, resultado de aspectos burocráticos exigidos pelo Mapa. Entretanto, reconhece que o pedido para exportar só foi possível graças aos padrões e condições adequados da planta da Dália Alimentos em Palmas e da dedicação da equipe de trabalho da empresa, além do empenho do deputado federal Luis Carlos Heinze e da presteza dos médicos veterinários do Mapa em Porto Alegre, que disponibilizaram a realização de todas as auditorias.

Para ele, “enxergamos essa habilitação de extrema relevância, pois o mercado, a produção e o consumo de leite no Brasil estão equilibrados. A exportação será muito importante para viabilizar a produção leiteira”, afirma Freitas.

Quanto ao início da exportação, deverá ser em breve. “Os setores de vendas e comércio e marketing da Dália já estão em tratativas”, adianta a gerente da Divisão Controle da Qualidade (DCQ), Ivane Giacobbo, que também comemora a habilitação para exportar.

Exportação de carne suína

Desde o ano de 1992, a Dália Alimentos exporta carne suína. A habilitação foi conquistada pelo frigorífico no mês de maio daquele ano. As primeiras vendas dos produtos Dália foram realizadas para a Argentina e Hong Kong.

Desde então, muitas habilitações especiais foram obtidas pelo frigorífico, que não parou de expandir suas vendas. Conforme a supervisora de Exportação da Dália Alimentos, Márcia Daltoé, hoje a cooperativa exporta cortes, miúdos e carcaças de suíno para Angola, Azerbaijão, Cingapura, Egito, Gabão, Geórgia, Moldova, Hong Kong, Macau, Seycheles, Tailandia e Uruguai.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...