Ilópolis intensifica os preparativos para a Turismate 2015

A Secretaria de Turismo de Ilópolis intensifica, a partir desta semana, os preparativos para mais uma edição da Turismate, que ocorre entre os dias 13, 14 e 15 de novembro, no Parque do Ibama da cidade. A feira apresentará muitas novidades na programação, que agrega os diversos segmentos da cadeia produtiva da erva-mate, a feira comercial, industrial, de serviços e agrícola, além de eventos voltados ao turismo, eventos técnicos e culturais, como o espetáculo cênico A Lenda da Erva Mate.

Segundo a secretária de Turismo, Desporto e Lazer Ariana Helena Maia, a comissão organizadora investe em novos formatos e atrações como forma de atrair a população, incrementar ainda mais os negócios do meio ervateiro e estimular o consumo do mate, nas suas mais diferentes formas. “Estamos trabalhando a todo vapor e tudo está ocorrendo dentro dos prazos. A feira tem tudo para ser um grande sucesso, tanto no turismo, como no fomento e na organização do setor, consolidando Ilópolis como a referência em produção de erva mate no país.”

Vários encontros reunindo a comissão organizadora, empresários do comércio local e a comunidade já foram realizados. Na noite de quarta-feira, dia 16, no gabinete do prefeito, ocorreu a primeira reunião com as ervateiras do município. O encontro serviu para apresentação do plano de comunicação e programação do evento. De acordo com Valdemiro Carlesso, sócio proprietário da ervateira Safra, a expectativa da feira é das melhores. “Temos uma programação extensa e atividades para todos os públicos. A Turismate, se supera a cada ano e fica cada vez melhor e maior”.

II Congresso Estadual de Sustentabilidade da Cadeia Produtiva da Erva

O evento técnico que integra a programação da feira, já inicia no dia 12 de novembro e tem como objetivo profissionalizar ainda mais o setor. Palestrantes e comitivas internacionais, se unem aos produtores e ervateiros da região e de todo Brasil. Uruguai, Chile, França, Paraná e Bolívia já confirmaram participação.

Dados da região

A cidade de Ilópolis, cuja base econômica gira em torno da erva mate, possui 800 produtores, sendo que 795 trabalham com o produto. Para ressaltar a importância da região na produção da erva- mate, o secretário de agricultura e presidente da feira, Clovis Roberto Roman, explica que Ilópolis concentra 21% produção de mate no Brasil e a cidade, em conjunto com os outros 10 municípios próximos produzem 60%.

Turismo

Além de conhecer a feira e participar de toda a sua programação, os visitantes poderão contemplar as belezas culturais e naturais da cidade. como o Museu do Pão, a Cascata da Baleia, o Santuário São Paulo Apóstolo, primeiro no mundo dedicado ao santo e com réplicas dos 12 apóstolos na entrada.

Rota Cicloturística das Ervateiras

Para destacar ainda mais o turismo do mate na região, uma Rota Cicloturística está sendo elaborada e estruturada. Serão aproximadamente 30km de grandes aventuras e paisagens de tirar o fôlego. O Presidente Clovis Roman conta que ciclistas de todos os lugares poderão desfrutar das estradas propícias a este esporte outdoor. “Eles vão passar por trilhas e estradas interioranas, lagos, diferentes vegetações, ervais e ervateiras da cidade. No dia do evento de inauguração da rota, teremos 10 ervateiras recepcionando os ciclistas durante o percurso. Nelas, eles poderão conhecer e acompanhar o processo de produção da erva mate e fazer um descanso”.

As ervateiras apoiadoras são: Serrena, Marsango, Ximango, Seiva do Mate, Rei Verde, Diamantina, Lago Verde, Franzon, Fonte do Mate e Safra.

Veja o que dizem os apoiadores:

Juliana Montagner – diretora da Ximango
A festa foi projetada para alavancar os negócios e o consumo da erva mate. Aqui na região, todo o setor ervateiro se une em prol da erva mate. A expectativa é dissipá-la para todo o RS, o Brasil e o mundo. Queremos também, com a feira, mostrar o potencial turístico da região, que é linda.

Valdemiro Carlesso– sócio diretor da Safra
O Mercado da erva mate tem se mantido estável, mas pede novidades. Nós da Safra estamos com a erva orgânica, com certificação nacional. Mesmo com a crise econômica do país. Espera que a feira seja ainda melhor que dos outros anos- boa e grande.

Ademir Carlesso – sócio proprietário da Serrena
Espera que a feira divulgue mais ainda a erva mate e o mate. Está contente com as atividades e propostas voltadas a participação do produtor, como o seminário técnico e a programação da feira. A Serrena está investindo além da erva mate em embalagem à vácuo e nos chás de camomila e erva-doce.

Avelino Montagner- sócio proprietário da Seiva do Mate
Espera que a feira atenda a expectativa do consumidor que vem até Ilópolis para conhecer ainda mais o mate e suas origens. Conta que o mercado ervateiro tem altas e baixas e que a feira vai unir ainda mais o setor para torná-lo cada vez mais forte.

Edemar Antônio Signor– Sócio proprietário da Lago Verde
Espera que pessoas de outras localidades venham visitar a feira e conhecer Ilópolis. A ervateira vende seus produtos para o Mato Grosso, Santa Catarina e RS e neste ano está com o lançamento da erva orgânica com certificação nacional.

Cleber Franzon- sócio proprietário da Mate Amizade
Tem uma ótima expectativa da feira, que está adquirindo um status cada vez maior. A ervateira prepara novos lançamentos ainda para este ano.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...