Granja de Teutônia é pioneira na neutralização de carbono

Determinada a contribuir com a preservação ambiental, a Granja Avícola Lothário Wiebusch, de Teutônia, é a primeira a neutralizar as emissões de gases de efeito estufa, principais responsáveis pela transgressão à camada de ozônio e, consequentemente, pelo aumento do aquecimento global no planeta. Nesse sentido, a empresa rural aderiu ao programa Energia Verde em Harmonia Ambiental, desenvolvido pelo Departamento de Meio Ambiente da Certel Energia, e recebeu o Selo Carbono Neutro.

A entrega da certificação foi efetuada pelo consultor ambiental Ricardo Jasper e pela engenheira ambiental Tatiana da Costa, na manhã da última quarta-feira, dia 13, ao proprietário Lothário Wiebusch e aos filhos Carmo e Carla, que administram a granja. Serão plantadas 227 árvores e neutralizadas 45,17 toneladas de gás carbônico equivalente (CO2e), referentes às atividades administrativas e operacionais.

Com mais de 50 anos de existência, hoje a granja desenvolve, além da produção convencional de ovos, uma atividade diferenciada, focada na produção de ovos de galinhas caipiras. O ovo caipira atende uma sociedade de consumo mais consciente, preocupada com a qualidade do alimento, o bem-estar do animal, além da preservação do meio ambiente. “Optar pela neutralização de gases poluentes é um meio de tornarmos o nosso projeto de sustentabilidade mais completo, até porque o mercado exige isso”, assinala Carmo.

Aliado aos ovos mais saudáveis que são disponibilizados, o Selo Carbono Neutro funcionará como uma importante comprovação de que a granja respeita a natureza. Consequência disso é que a empresa fortalece sua relação com a rede varejista Walmart Brasil, para a qual é fornecedora há anos. “A iniciativa da Certel Energia de integrar as empresas ao meio ambiente é fundamental. Certamente colheremos os frutos desta sólida parceria, já que participamos do Clube dos Produtores da Walmart que, além de prestigiar boas práticas de produção, dá, especialmente a pequenos e médios fornecedores, acesso ao grande varejo e, a clientes, produtos de qualidade superior e produção mais sustentável”, completa Carla.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...