Governo de Estrela busca melhoria genética do rebanho

O Governo de Estrela está se habilitando ao Programa Estadual de Incremento da Qualidade Genética da Pecuária de Carne e Leite – Dissemina. O projeto oferece gratuitamente sêmen dos melhores reprodutores de gado de corte e leiteiro para o melhoramento genético do gado bovino, através de inseminação artificial, para pequenos produtores rurais. Nesta segunda-feira, dia 16, o secretário municipal da Agricultura, José Adão Braun, foi recebido pelo secretário estadual da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Ernani Polo, ao qual reforçou o pedido de inclusão de Estrela no programa.

Braun argumentou a necessidade de apoio do Estado ao aprimoramento do rebanho leiteiro do município, que é um dos maiores e melhores da região, com constante desenvolvimento e melhoria da inseminação artificial, que hoje atinge 8.250 vacas. Na ocasião, ele levou ao secretário Ernani Polo informações sobre a produção primária de Estrela, assim como a respeito dos programas de incentivo oferecidos aos produtores pela Secretaria Municipal da Agricultura, tanto na agricultura quanto na pecuária, com destaque para a fertilidade do solo, através do programa de calcário, dos programas troca-troca de sementes e fertilizantes, da inseminação artificial e sanidade do rebanho.

Conforme Braun, Polo mostrou interesse especial no Programa de Incentivo ao Jovem Produtor do Campo, recentemente implantado pelo governo municipal. Pela iniciativa, a prefeitura vai pagar os juros do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) para investimentos a jovens empreendedores no campo. Mas, além disso, o objetivo é formar empreendedores, torná-los produtores de sucesso e modernizar cada vez mais a produção. O projeto estende o benefício a empreendedores entre 18 e 33 anos para que tenham facilidade de permanecer na propriedade rural e participar da produção primária do município.

O que é o Dissemina

O Dissemina disponibiliza, em regime de cessão de uso, um automóvel utilitário e um botijão de nitrogênio, além de distribuir doses de sêmen, a custo zero, e nitrogênio liquido a preço de custo. O público-alvo são os agricultores e pecuaristas familiares dos municípios conveniados. O programa também prevê um curso de qualificação, conduzido pela Fepagro, para os técnicos responsáveis e os inseminadores dos municípios. A fundação também fará o acompanhamento e monitoramento da ampliação da qualidade genética do rebanho bovino leiteiro e de corte.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...