Garantida abertura de dez açudes em Paverama

A Secretaria de Desenolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR/RS) e a prefeitura de Paverama assinaram, na quarta-feira, dia 16, termo de cooperação para a abertura de dez açudes no município. Por meio do documento, caberá ao Estado a cessão de uma escavadeira hidráulica, bem como o fornecimento de assistência técnica, por meio da Emater/RS-Ascar, além da concessão de licenças ambientais para os produtores beneficiados. Como contrapartida, o município fornece o operador do maquinário, o combustível e a manutenção da patrulha agrícola.

O coordenador regional da SDR/RS nos vales do Taquari e Rio Pardo, Rudimar Müller, ressalta que a parceria, visa a possibilitar aos agricultores familiares – que foram selecionados pelo Conselho de Agricultura local – a reservação da água, que poderá ser utilizada de diversas maneiras, entre elas para a dessedentação de animais; para a irrigação de pastagens, hortas e pomares e para o desenvolvimento da piscicultura. “O maquinário ficará por 45 dias no município, podendo abrir açudes de até 1,5 mil metros cúbicos, o que possibilita uma lâmina da água de cerca de um hectare”, ressalta Müller.

A parceria entre Governo do Estado e município é fruto do Programa Infraestrutura Rural no Campo. São 10 patrulhas que percorrem todo o RS realizando ações parecidas. No Vale do Taquari, municípios como Tabaí e Arroio do Meio já operacionalizaram projetos por meio do termo de cooperação. O próximo a receber o maquinário deve ser Fazenda Vilanova. Para os produtores também há a vantagem de realizar os projetos por meio de programas como Irrigando a Agricultura Familiar e RS Pesca e Aquicultura que já garantem, entre outras vantagens, o licenciamento ambiental.

Para o produtor Nilo Brönstrup, da localidade de Fazenda São José, a possibilidade de fazer dois açudes na sua propriedade de 25 hectares, é motivo de alegria. Produtor de bovinos de corte e de suínos necessita de grande volume de água, especialmente para a dessedentação dos animais. “Sabemos que a agricultura é instável, com altos e baixos, podendo uma seca acontecer a qualquer momento. Por isso é importante estar prevenido”, afirma. Para Brönstrup, ações do tipo fazem o produtor se sentir integrado às políticas públicas. “O que nos dá motivação pra seguir no campo”, diz.

O evento contou com a presença de diversas autoridades, entre elas o supervisor regional da Emater/RS-Ascar, Álvaro Mallmann e os prefeitos de Paverama, Vanderlei Markus e de Tabaí, João Brandão, além de secretários, vereadores e outras autoridades. Representando o secretário Elton Scapini, o presidente do Departamento de Infraestrutura Rural, Irrigação e Usos Múltiplos da Água (Dinfra) da SDR/RS, Vilmar Galvão, valorizou a parceria com a prefeitura, dando importância a um projeto que pode até parecer pequeno para o Estado, mas que para o produtor é de extrema importância. “Esta é uma das maneiras que temos de levar as políticas públicas diretamente à casa dos agricultores familiares”, destacou.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...