Festival do Chucrute será lançado nesta sexta-feira

Cuca, linguiça, joelho, de porco e o tradicional chucrute feito de repolho. O Festival do Chucrute em Estrela terá um gosto especial em 2015 por causa dos 50 anos do evento. Os casais comendadores são em maior quantidade este ano e se esmeram na programação, comida e divulgação e adotaram uma estratégia diferenciada para que o Festival esteja ainda mais robusto e fortaleça os vínculos com a comunidade.

O evento será lançado nesta sexta-feira, dia 10, às 20h, no salão da Oase e terá uma peculiaridade: será uma pequena amostra do que vai ser o Festival. “A decoração será característica. Os convidados vão degustar comidas típicas, cerveja artesanal, verão danças que estarão no salão e outros atrativos”, adianta o instrutor de danças e integrante da comenda Andréas Hamester.

A ocasião servirá para homenagear pessoas que influenciaram o festival. Por isso, estarão presentes convidados especiais como os idealizadores do Baile, ex´prefeitos, ex-pastores da Comunidade Evangélica e o ex-instrutor dos Grupos.

Bailes

Os 13 casais comendadores atuam intensamente para que o Festival do Chucrute pudesse ampliar a visibilidade e servir de referência em cultura germânica no Rio Grande do Sul.

Nesta semana, mais de 400 quilos de chucrute foram temperados e colocados nas pipas. Duzentos voluntários trabalham na preparação da comida, do salão, na divulgação, todos eles com empenho e amor ao germanismo. Destaque para os 420 dançarinos que serão os protagonistas, junto com a comida, nos dois bailes típicos que acontecerão nos dias 16 e 23 de maio.

As danças iniciam às 20h e vão até as 22h e ocorrem enquanto as pessoas jantam. Serão apresentadas valsas, polca e xotes. A expectativa de público é alta. “Surpreendeu-nos a quantidade de convites vendida ainda para o primeiro baile”, salienta Hamester.

A festa germânica abre com o desfile típico que ocorre dia 9 de maio. O desfile que em anos anteriores se estendia até Lajeado ficará somente no município para privilegiar os bairros. Essa é uma mudança decorrente do cinqüentenário. O desfile inicia às 15h com saída no Parque Princesa do Vale.

Para Hamester, a longevidade do evento é marcante. Atribuiu ao envolvimento da comunidade e ao engajamento de várias gerações. Outro fator é porque a festa não se descaracterizou. “Cresce um pouco a cada ano e preserva sua originalidade.” Para Hamester, o evento caminha para ser tombado como evento cultural no Rio Grande do Sul.

Programação

  • 10 de abril: Lançamento 50º Festival do Chucrute – salão da Oase, às 20h
  • 2 de maio: Divulgação pelas ruas de Estrela – saída da Comunidade Evangélica, às 9h
  • 9 de maio: Desfile Típico dos Grupos Folclóricos – saída Parcão, às 15h
  • 16 de maio: 1º Baile Típico – Cristo Rei, às 20h
  • 17 de maio: Café Colonial – Cristo Rei, às 15h
  • 20 de maio: Festa do Idoso – Cristo Rei, início às 9h
  • 21 de maio: Festa das Apaes – Cristo Rei, às 14h
  • 22 de maio: Reunião Amvat- Cristo Rei, às 14h
  • 23 de maio: 2º Baile Típico – Cristo Rei, às 20h
  • 24 de maio: Café Colonial – Cristo Rei, às 15h

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...