Expovale 2014: Agroindústrias inovam e comemoram vendas

De biscoitos a salame, queijo e geleias, de tudo um pouco tem no Pavilhão 4 da 19ª Expovale. Mas além dos itens mais tradicionais com grande saída na feira, há inovações das agroindústrias familiares. São produtos lançados com o objetivo de agregar valor e conquistar mais consumidores. A Codorni Indústria e Comércio de Ovos, de Lajeado, atrai os visitantes com os ovos de codorna alaranjados expostos em seu estande. A degustação se transforma em vendas e resulta na satisfação do proprietário, João Bogorni. “A feira é muito boa por isso. As pessoas levam alguns vidros e depois vão no supermercado procurar. Assim conseguimos fazer o processo inverso, do cliente buscar o produto conosco para revender”, avalia. A produção são ovos de codorna em conserva com sabor defumado.

No começo do ano, Edison Kappaun, de Venâncio Aires, lançou seus alimentos à base de aipim. Passados alguns meses, ele tem certeza de que fez a escolha certa ao largar o emprego na indústria fumageira. A Natura Eat Alimentos comercializa escondidinhos de aipim com vegetais, de carne e frango, similares à lasanha, porém sem a massa. “Estou vendendo muito. Já estive na Oktoberfest e na Fenachim, mas aqui estou tendo o meu melhor resultado”, comemora Kappaun, que enquanto está na Expovale monitora os ajudantes da sua agroindústria para produzirem mais para o dia seguinte.

O Pavilhão 4 tem ao todo 51 agroindústrias familiares de alimentos e artesanato.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...