Evento marca o início da ampliação do HBST

Em solenidade realizada na quinta-feira, dia 26 de junho, no Auditório do Plano de Saúde São Camilo, foi oficializado o início das obras de ampliação do Hospital Beneficente Santa Terezinha (HBST), que abrigará um dos serviços mais esperados no município – a UTI. O evento contou com a presença da secretária estadual da Saúde, Sandra Fagundes, do deputado federal Jerônimo Goergen, dos deputados estaduais Edgar Pretto e Heitor Schuch, do superintendente da São Camilo Sul, padre Osmar Penso, além de diversos prefeitos da região, administradores de hospitais, profissionais da área da saúde e demais autoridades.

O projeto de construção do novo complexo foi apresentado pelo diretor do HBST, Evandro Klein. Segundo ele, as obras vão contemplar a instalação de uma UTI Adulta com dez leitos, novo Bloco Cirúrgico, Centro Obstétrico, Central de Material Esterilizado (CME), Pronto-Socorro além de serviços administrativos e área para leitos de internação. “O investimento inicial será de aproximadamente R$ 4 milhões, com recursos próprios da Rede São Camilo”, explica. Inicialmente devem ser concluídos quatro pavimentos, entre eles o subsolo para garagem. A previsão para a conclusão das obras e implantação dos serviços é de aproximadamente três anos.

Segundo Klein, “esta obra é um marco na história do HBST, da Rede São Camilo e da região, pois projeta o município como uma referência em saúde, uma vez que atualmente somente os hospitais de Lajeado e Estrela possuem UTI”. O diretor do Corpo Clínico do HBST, Diego Baldissera, enalteceu a iniciativa da Rede São Camilo em investir no novo complexo. O secretário municipal da Saúde de Encantado, Marino Deves, lembrou o acordo firmado entre Administração Municipal, HBST e Corpo Clínico no ano passado, que estabeleceu metas aos entes envolvidos. “Estamos vendo hoje um importante passo sendo dado e vamos mostrar para a região que somos uma cidade de vanguarda”, garante.

A secretária estadual da Saúde, Sandra Fagundes, parabenizou o acordo firmado entre hospital, médicos e Poder Público para a instalação da UTI. Ela aproveitou a ocasião para assinar um convênio que estabelece o repasse de R$ 46 mil ao HBST, obtidos através do Processo de Participação Popular, que serão utilizados na aquisição de uma secadora para a lavanderia e a lavadora ultrassônica para a central de material esterilizado do hospital.

O superintendente da São Camilo Sul, padre Osmar Penso, enfatizou que esta obra vem ao encontro dos anseios da comunidade e que o principal objetivo é ajudar as pessoas.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...