Estrela vai receber a primeira obra da EGR na região

Por unanimidade, o Conselho Comunitário das Regiões com Rodovias Pedagiadas (Corep) aprovou a primeira obra da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR) no Vale do Taquari. Serão investidos cerca de R$ 240 mil para melhoria e ampliação do trecho da Rota do Sol, que desemboca no Bairro Boa União, em Estrela. A obra prevê recapeamento asfáltico e o alargamento da pista em alguns trechos, melhorando o fluxo na região.

O conselho reuniu-se na manhã desta terça-feira, dia 14, na Câmara de Vereadores de Estrela e discutiu, entre outros temas, a normatização da faixa de domínio das rodovias estaduais. Conforme equipe técnica da EGR, o mínimo possível para as faixas, não prejudicando o futuro das rodovias, é de 40 metros partindo do eixo da pista. Por outro lado, Lei Federal normatiza a chamada faixa não-edificante, que é de 15 metros para cada lado além do domínio. “É uma questão técnica e não política onde não temos possibilidade de ingerência”, revela o presidente da EGR, Luiz Carlos Bertotto.

O conselho, que tem a participação do prefeito Carlos Rafael Mallmann e do secretário de Planejamento e Desenvolvimento Econômico de Estrela, Marco Aurélio Wermann salientou os casos consolidados que não obedecem tal regulamentação. Wermann citou uma série de edificações ao longo da Rota do Sol. “Até então o Daer deu autorização para construir com 4 metros de recuo. As obras estão feiras e não se pode prejudicar os investidores”, reclamou. Na próxima semana, em Encantado, equipes técnicas dos municípios e da estatal irão se reunir para voltar a discutir a situação e propor a nova diretriz.

O diretor administrativo e financeiro da estatal, Carlos Arthur Hauschild disse que dentro de duas semanas o pregão eletrônico para a obra do Boa União deverá estar ocorrendo e que o processo é rápido. “Acredito que em março estejamos em obras já no local”, finaliza.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...