Especialista fala sobre o novo consumidor e o que ele pensa sobre as empresas

A ruptura digital já começou e trouxe uma série de mudanças na vida das pessoas e nos negócios. Sobre essa ruptura, a especialista em negócios, Grasiela Scheid Tesser falou durante o Bom Dia Associado, que aconteceu na última quinta-feira, dia 2. Com o tema criatividade nos negócios e o impacto do novo consumidor, Grasiela que atua há 13 anos nas áreas de tecnologia, pesquisa e participa de feiras e eventos, em especial da NRF, de Nova Iorque, explicou as características desse novo consumidor – os millenials, pessoas nascidas entre 1980 a 2000.

Segundo a especialista, os millenials costumam utilizar a internet cerca de 3,2 horas por dia e 63% usa redes sociais, por isso, possuem a sua disposição muita informação e isso gera uma mudança que, necessariamente, passa pela economia e pela forma que as empresas fazem e pensam em seus negócios.

A nova economia prega que todos os negócios passem a ser cocriados por paceiros e que proporcionem não apenas um benefício em si, mas sim, que provoquem uma inovação na forma de experimentar. E isso associa-se ao fato de que os millenials querem ter mais controle sobre o que consomem e acabam por influenciar as empresas e seus processos. “Os novos consumidores preferem comprar de marcas que apoiam uma causa. Cerca de 50% estaria disposta a comprar de uma empresa se suas compras suportassem uma causa e 35% estão dispostos a comprar um produto ou serviço que acreditam, mesmo que isso signifique pagar um pouco mais”, explicou.

Por terem mais acesso à informação e por estarem muito tempo conectados, os novos consumidores veem de uma forma diferente o conceito de qualidade de vida do que via a geração anterior. Para eles, essa qualidade está cada vez mais ligada ao bem-estar, que pode ser atingido por meio de exercícios, alimentação responsável e monitoramento.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...