Especialista aponta 2016 de estagnação e traça estratégias para empresários

Sem perspectivas otimistas, o contador e doutor em Administração Claiton Fernandez apresentou tendências econômicas para 2016. A explanação foi feita para os empresários da diretoria do Sindilojas Vale do Taquari nesta terça-feira, dia 6, na sede da entidade. De volta à região depois de 43 anos, o arroio-meense está à frente da Human Excellence Center, prestadora de serviços de consultoria em gestão e treinamentos de alta performance. “O que já está ruim pode piorar. Tudo indica que o próximo ano seja de estagnação ou até de recessão”, afirmou.

Fernandez observa que a crise política instalada se estende à economia. E adverte para dificuldades ainda maiores que as empresas vão enfrentar neste cenário a partir de compromissos como férias, décimo terceiro e pagamento de impostos no começo do ano. Fernandez compartilhou com o grupo sua experiência de 40 anos como consultor e CEO de organizações brasileiras e do exterior, além da atuação em grupos econômicos líderes de mercado em seus segmentos. A primeira atitude, segundo ele, é fazer um diagnóstico aprofundado do negócio.

“Esta análise deve considerar desde aspectos como a reavaliação sobre o regime fiscal em que se enquadra, buscando alternativas para pagar menos tributos. Verificar gastos fixos e variáveis e até reavaliar fornecedores”, recomendou.

Segundo o especialista, as ações são necessárias para que a situação das empresas não se agrave e elas possam ter sobrevida. Apesar de chamar a atenção para as dificuldades, Fernandez observou o diferencial da região e o espaço que as empresas têm para crescer. “Aqui existe um povo trabalhador, tem condições de vida favoráveis e uma série de fatores que diferenciam-se de outros lugares”.

A palestra integrou a reunião de diretoria mensal do Sindilojas Vale do Taquari. De acordo com o presidente, Giraldo Sandri, a intenção é que a cada dois meses um profissional seja convidado para explanar sobre temas de interesse dos empresários. “Aceitamos sugestões para que possamos organizar os próximos encontros”.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...