Empresário industrial aponta melhora nas condições da economia pela primeira vez desde 2011

Índice de Confiança divulgado pela FIERGS registra 57,1 pontos

Porto Alegre, 24 de outubro de 2017 – O Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI-RS), divulgado pela Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (FIERGS) nesta terça-feira (24), registra um pequeno aumento em outubro, na comparação com setembro, em função da melhora na percepção dos empresários gaúchos sobre o momento atual. Ficou em 57,1 pontos, 0,4 acima do mês anterior. “O resultado reforça a hipótese de que a economia brasileira e a indústria gaúcha estão em trajetória de recuperação, ainda que a um ritmo bastante moderado e muito distante de recuperar as perdas acumuladas dos últimos anos”, afirma o presidente da FIERGS, Gilberto Porcello Petry. Ao variar entre zero e cem pontos, o índice mostra a presença da confiança quando superior a 50.
O Indicador de Condições Atuais (ICA) registrou alta de 1,7 ponto em outubro relativamente a setembro, a terceira seguida, alcançando 53,2, o maior valor desde março de 2011 (53,4 pontos). Para comparar, em outubro de 2015 o indicador registrava o menor valor da série histórica: 26,3 pontos. “A confiança do empresário é resultado de alguns sinais positivos que se verificam na economia, tais como as reduções da taxa de juros e da inflação, os aumentos da produção, do faturamento e das exportações industriais e das vendas do varejo, a geração de emprego e a safra agrícola recorde. O otimismo é contido, porém, diante das incertezas no campo político”, enfatiza Petry.
Os empresários gaúchos também perceberam melhora nas condições da economia brasileira (53 pontos), a primeira vez desde fevereiro de 2011; e nas das empresas: o índice passou de 52,4 pontos em setembro para 53,4 em outubro.

PERSPECTIVAS – Já as perspectivas da indústria gaúcha para os próximos seis meses se mantêm positivas e praticamente estáveis em outubro. Os 59,1 pontos do Indicador de Expectativas (IE) continuaram a revelar otimismo, mesmo com pequeno recuo em relação a setembro (59,3). A confiança dos empresários em relação à economia brasileira continua moderada (54,4 pontos em outubro, ante 54,8 em setembro). A visão é a mesma quando perguntados sobre as perspectivas de suas empresas, com o índice passando de 61,6 para 61,9 pontos no período.
O Índice de Confiança do Empresário Industrial é elaborado mensalmente pela FIERGS em conjunto com a CNI e mais 23 Federações de Indústrias. O ICEI-RS é baseado em quatro questões: duas referentes às condições atuais e duas referentes às expectativas para os próximos seis meses com relação à economia brasileira e à própria empresa. Foram consultadas 251 empresas, de diferentes portes, entre 2 e 17 de outubro.

Fonte Unicom

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...