Empresa turística finaliza estudo de viabilidade

A implantação do trem turístico entre Estrela a Guaporé depende da confirmação da empresa interessada na operação, a paranaense Serra Verde Express. A América Latina Logística (ALL) concluiu 80% da reforma dos trilhos da via férrea. Nesta semana, equipe trabalha em Colinas.

De acordo com o presidente da Associação dos Municípios de Turismo da Região dos Vales (Amturvales), Gilberto Keller, conversas mensais com o proprietário da empresa, Adonai de Arruda, indicam a concretização do investimento. “Está bem encaminhado”, diz Keller. “Se tiver um ponto de partida e de chegada, dá pra iniciar em breve.”

Uma reunião entre prefeitos e representantes da empresa será realizada em outubro. O desafio é ampliar e preparar as atrações turísticas na região. Administrações de Colinas, Roca Sales, Muçum, Vespasiano Corrêa e Guaporé, que também integram a rota de 63 quilômetros, esperam a decisão da Serra Verde para iniciarem obras em terminais com atrativos para receber os turistas.

A administração de Roca Sales pretende firmar parceria com a ALL, a fim de estruturar e adequar sua estação de trem para receber turistas e viabilizar a venda de produtos.

Prefeito de Dois Lajeados, Valnei Cover projeta a construção de um Museu da Ferrovia em uma área recém-comprada pelo município, ao lado dos trilhos. O local deve ter espaço para venda de artesanatos. A ideia é parar o vagão e realizar uma caminhada de 800 metros em meio à vegetação e às quedas d’água existentes.

O projeto foi lançamento em setembro de 2014, durante a Semana Farroupilha, em Muçum. A proposta da Serra Verde é utilizar um trem com capacidade para 56 passageiros. Pelo projeto inicial, os passeios serão realizados nas sextas-feiras e nos fins de semana.

Seminário

Consultor da Associação Brasileira das Operadoras de Trens Turísticos e Culturais (ABOTTC), Luiz Carlos Barbosa palestra no Auditório Brasil, no dia 8 de outubro, em Encantado, a partir das 9h. Barbosa falará sobre a importância da consolidação do trem turístico na região, com abertura de oportunidades. “Destinos que combinam aspectos naturais com os históricos e culturais das cidades estimulam a integração do turista com a comunidade.”

Segundo Barbosa, a implantação do trem turístico pode aumentar em 15% o fluxo de turistas em cada região. Prefeitos e secretários, estudantes e empresários dos ramos de comércio, indústria, serviços e da agricultura familiar podem participar. As inscrições são grátis e abertas à comunidade regional. O evento integra a 3ª Semana Municipal do Empreendedorismo. Inscrições pelo www.empreendedorismoencantado.com.br

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...