Empreendimento agropecuário valoriza uso racional da água

O secretário municipal do Meio Ambiente e Saneamento Básico de Estrela, Hilário Eidelwein, entregou, na última semana, a Licença de Operação para empreendimento dos produtores Jorge Inácio e Joel Ingo Schwingel, de Linha Lenz, para a criação de bovinos de leite semiconfinados. O novo galpão construído na propriedade, com 1.275 metros quadrados e capacidade para alojar até 100 animais, obedece a todos os requisitos ambientais, e se destaca por contar com um sistema completo de aproveitamento da água da chuva, que será utilizada para os animais beberem e para a limpeza das instalações, como as salas de ordenha e de espera.

O técnico da Secretaria do Meio Ambiente, Arly Volken, explica que o galpão possui calhas para a coleta e a cobertura, de aluzinco, proporciona melhor qualidade da água captada. Além disso, segundo ele, os primeiros quatro milímetros serão direcionados para um depósito com capacidade de 20 mil litros, a serem utilizados exclusivamente na limpeza das salas de ordenha e de espera. Depois disto, a água captada, mais limpa, irá para outros reservatórios, para os animais beberem.

“Considerando uma precipitação anual de 1,5 mil metros cúbicos, os produtores conseguirão armazenar em torno de 2 mil metros cúbicos de água da chuva por ano somente com a nova cobertura”, assinala Volken. Ele lembra que um milímetro de chuva equivale a um litro por metro quadrado.

Consciência 

“Isto demonstra a consciência ecológica dos produtores e é um ganho ambiental imenso”, destaca o secretário Hilário Eidelwein. Segundo ele, os produtores estimam o uso de 350 mil litros de água por mês, que deixarão de ser captadas no subsolo. “A ideia é ampliar a capacidade de armazenamento para utilizar cada vez menos a da rede comunitária, que vem de poço artesiano”, acrescenta. Citando o Dia Mundial da Água, comemorado neste 22 de março, o secretário enaltece o exemplo de consciência ambiental dos produtores na preservação deste recurso natural, importante e imprescindível para todos.

As novas instalações também vão proporcionar maior bem-estar aos animais, elevando, consequentemente, a produção de leite. Em relação aos dejetos, Arly Volken explica que serão direcionados para duas esterqueiras, sendo usados, após fermentação, nas lavouras da propriedade. As instalações existente na propriedades têm capacidade total para 140 animais, dos quais 70 estão em lactação. A implantação do projeto contou com apoio do Governo de Estrela, através da Secretaria da Agricultura, com a execução da terraplenagem para a construção, numa área de 2 mil metros quadrados.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...