Em seis edições especiais, Feira do Produtor Rural de Taquari arrecada mais de R$ 30 mil

Desde seu princípio, a parceria firmada entre produtores rurais e Prefeitura está rendendo frutos em Taquari. A proposta do Poder Executivo, representado pela Secretaria da Agricultura e pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater/RS-Ascar), é trazer os produtos cultivados no interior para os grandes centros comerciais da cidade, aproximando-os da população e gerando ainda mais renda aos agricultores.

Quinzenalmente, sempre aos sábados, na Rua Vereador Praia, ao lado das Lojas Lebes, são comercializados verduras, legumes, pães, chimias, embutidos, cucas e artesanatos. O reflexo de tamanha variedade aparece de forma positiva nos números divulgados recentemente pela Emater. Entre os meses de maio e agosto, a Feira do Produtor Rural arrecadou mais de R$ 32 mil, valor que reúne produtos agrícolas e processados, que representam 50% da venda, e também artesanatos. Para o secretário da Agricultura, Romacir Martins, a união de todos traz apenas benefícios ao município. “Iniciativas assim aproximam o produtor do consumidor, oportunizando a compra da produção da cultura familiar de Taquari. O propósito principal é valorizar o setor agrícola”, destaca.

O evento é acompanhado pelo extensionista rural da Emater, Alberto Bischoff, que registra e organiza cuidadosamente dados, produtos e vendas de cada feirante. “As informações são importantes para avaliação e replanejamento, e ainda para tentar melhorar a oferta de produtos para o consumidor. É possível dizer, com base em relatos dos próprios feirantes, que a venda é 16 vezes maior do que a das outras feiras, antes realizadas em locais mais afastados. Sem contar que a variedade de produtos é enorme”, afirma.

Alberto, em nome da Emater, segue de perto o trabalho dos feirantes visitando periodicamente suas propriedades. “Vamos ao encontro dos produtores para incentivá-los a plantar mais. Sugerimos que utilizem um calendário e criem uma rotina de plantio, para ter continuidade de fornecimento. Não há dúvidas de que os fregueses estão satisfeitos com o local”, finaliza.

O produtor Flávio Marques e sua esposa Luciana Prass Dias terminam o dia satisfeitos com o resultado da feira. “O local é centralizado, se torna mais fácil para os clientes aproveitarem. Antes, nós não tínhamos essa oportunidade de vender em uma feira desse tipo, pois havia pouco movimento e acabávamos desistindo. Com essa iniciativa da Prefeitura e da Secretaria da Agricultura, melhorou bastante. Ainda temos apoio da Emater”, conta Flávio. Expor mercadorias que vêm direto do campo, sem a adição de agrotóxicos, é um dos pontos destacados por Flávio.

O lucro obtido na Feira do Produtor também ajuda o casal Elton e Neusa Muller a complementar a renda doméstica. Para eles, a motivação dada pelas autoridades é fundamental. “A feira nos incentiva muito, tanto os produtores quanto o comércio e os consumidores. Todos procuram algo mais saudável, produtos frescos e orgânicos. Participamos de todas as edições até agora. As vendas nos ajudam bastante. Com o tempo, vamos inovando e nos preparando principalmente para o ano que vem, trazendo produtos novos e ainda mais opções”, contam.

Incremento na merenda das escolas municipais

A Secretaria de Educação, atenta à qualidade do que é oferecido na Feira do Produtor, acena com o desejo de fortalecer a agricultura familiar de Taquari e, em contrapartida, levar uma alimentação mais saudável às escolas do município, visando, principalmente, ao consumo de produtos orgânicos. “Temos um valor específico na Secretaria de Educação para ser gasto com agricultura familiar, e também queremos potencializar os lucros dos produtores taquarienses”, comenta o secretário Cassius Antonio da Rosa. A parceria ainda contará com a presença dos produtores dentro do ambiente escolar, ensinando as crianças a criar suas próprias hortas e ministrando palestras.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...