Duplicação Venâncio/Muçum: EGR anuncia licitação do projeto executivo

Em uma reunião realizada na última sexta-feira, dia 28 de fevereiro, com o presidente da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR), Luiz Carlos Bertotto, os presidentes da Câmara de Indústria Comércio e Serviços do Vale do Taquari (CIC-VT), Ardêmio Heineck; da Associação dos Municípios do Vale do Taquari (Amvat) e prefeito de Arroio do Meio, Sidnei Eckert, acompanhados dos engenheiros Adriano Panazzollo e Zélia d’Azevedo, da STE Engenharia de Canoas, avaliaram o andamento dos dois estudos prévios exigidos para a realização do projeto executivo da obra: o Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEA) e Relatório Técnico de Vistoria Ambiental (RTVA). A licitação do projeto executivo pode ocorrer já em abril.

Segundo Heineck, graças à interação dos técnicos da EGR com os da STE, é certa a conclusão dos estudos até meados de março, ficando agendada a apresentação pública ao Corepe, à população e à imprensa no sábado (22.03), às 11h. Quanto ao local, a ideia inicial é que seja o mesmo, junto à RS-130, onde, em 2011 o movimento de parceria CIC-VT, Amvat, Conselho de Desenvolvimento do Vale do Taquari (Codevat) e municípios lindeiros à obra, visando à realização dos dois estudos, tomou impulso.

O presidente da EGR informou de que na reunião do Corepe, em 08 de abril, há a possibilidade de licitar a realização do projeto executivo da duplicação. Segundo ele “hoje faltam-nos projetos para a realização de obras”. “Este eixo rodoviário Venâncio/Muçum merece tratamento prioritário dada sua importância logística para diversas regiões do Estado” acrescentou. Caso aprovado pelo Corepe e licitado, durante o projeto executivo é que acontece a discussão com os municípios para saber das suas prioridades na duplicação.

Para o presidente da CIC-VT, “o modelo aqui criado, de interação dos poderes Executivo e Legislativo municipais lindeiros à obra com as entidades empresariais, demonstrou a agilidade e efetividade que se pode ter também em obras públicas”. Realçou ainda que “também estão contribuindo a atenção e o profissionalismo do pessoal da EGR e da STE engenharia, a quem agradecemos”.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...