“O riso é o contrário do stress”

“O humor é muito importante para a vida de todos nós, rir é o melhor remédio, o riso é o contrário do stress. Pesquisas comprovam que três minutos de riso intensivo são suficientes para neutralizar quatro semanas de stress.” As afirmações são do humorista André Damasceno, historicamente reconhecido pelo seu personagem Magro do Bonfa, figura hilária da antiga Escolinha do Professor Raimundo, programa televisivo apresentado até a década de 90 na Rede Globo.

Pois foi ele que conquistou a plateia, com sorrisos tímidos ou gargalhadas extravagantes, coroadas com as palmas no 7º evento pelo Dia do Comerciante, evento realizado pela CIC Teutônia na noite da última quinta-feira, dia 22, na Associação da Água. O show “Humor à primeira vista” atraiu mais de 550 pessoas.

O vice-presidente do Comércio da entidade, Ilvo Edgar Poersch, e o presidente Ivandro Carlos Rosa, agradeceram a presença de todos e ressaltaram a importância dos parceiros e apoiadores para a realização do evento. “Foi uma noite para nos divertirmos, um momento diferenciado para os nossos associados e a comunidade. Ficamos felizes em reunir um grupo tão expressivo de pessoas”, avaliaram ao final da programação.

Magro do Bonfa e companhia limitada

O show de stand-up comedy de André Damasceno iniciou com as imitações clássicas do ex-presidente Lula e outras lideranças políticas históricas, como o ex-governador gaúcho Alceu Collares. Frases célebres e muita história marcaram a abertura do espetáculo, passando por artistas do ramo futebolístico, entre eles o gremista Paulo Sant’Ana. Com transformações de voz e perfeita apropriação de trejeitos dos personagens, o riso do público foi algo constante na noite chuvosa.

Intercaladas às imitações, piadas de diferentes estilos integraram o show, com destaque para os diferentes sotaques do povo brasileiro. Depois de Sérgio Zambiasi, o mais famoso dos personagens, Magro do Bonfa, divertiu a plateia. Com seu estilo desleixado, sotaque arrastado gaúcho, foi o grande momento da noite.

Ao final, Damasceno ainda falou sobre sua trajetória artística, que em 2014 completa 30 anos. “Tive uma longa caminhada em busca de oportunidades. Com minha fita VHS, acabei no Vídeo Show, da TV Globo, em 1993. Esse material chegou às mãos do mestre Chico Anysio e a partir de então tive a minha maior oportunidade, ao conviver com a velha guarda do humor brasileiro, artistas espetaculares que iniciaram com o humor na extinta Rádio Nacional”, disse, revelando alguns detalhes de bastidores, com os tradicionais concursos internos de piada, seguidamente vencidos por Lúcio Mauro, Costinha e Tom Cavalcante.

Associados aprovaram

Sandro Bloemker, da empresa Três Unidas, elogiou a programação oferecida pela CIC. “O show foi muito bom, com humor inteligente. Certamente o Dia do Comerciante é um dos grandes eventos organizados pela CIC para seus associados e comunidade.”

Carina Schaeffer, da Loja Rivin, participou pela primeira vez do evento e também se disse satisfeita. “A empresa estimula os funcionários a participarem das promoções da CIC.”

Ao final da programação, ocorreu o sorteio de brindes e foi servido coquetel. O 7º evento pelo Dia do Comerciante contou com o patrocínio das cooperativas Languiru e Sicredi, Lojas Certel, Poolseg Corretora de Seguros, Grupo Krabbe e jornais Informativo de Teutônia e Folha Popular.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...