Comitê Regional de Desenvolvimento Rural debate ações

O Comitê Regional de Desenvolvimento Rural, composto por diversas entidades ligadas ao setor nos vales do Taquari e Rio Pardo, esteve reunido na última terça-feira, dia 11, no escritório regional da Emater/RS-Ascar de Lajeado. Durante o encontro, houve apresentação, por parte de coordenador regional da Secretaria de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR/RS), Mauro Stein, dos programas da secretaria, com a definição de estratégias para a execução de cada um deles nos vales do Taquari e Rio Pardo.

Na ocasião também foram apresentados números referentes às ações da SDR, com destaque para as capacitações em bovinocultura leiteira, relacionadas ao programa Leite Gaúcho, que já beneficiaram cerca de 1,5 mil produtores rurais na região. De acordo com o coordenador regional da SDR no Vale do Rio Pardo, Rudimar Müller, a reunião teve o objetivo de facilitar a chegada das políticas públicas ao produtor rural. “Por isso a importância de reunir tantas lideranças ligadas ao setor primário”, enfatizou.

Para Müller é importante que se faça uma reflexão a respeito das maneiras de manter o produtor rural no campo, produzindo, com qualidade de vida e com renda adequada. “Estes são alguns dos nossos desafios e as políticas públicas de Governo estão aí para contribuir nesse sentido”, ressaltou. Como destaque, lembrou as 70 agroindústrias da região que estão recebendo recursos por meio do Fundo Estadual de Apoio aos Pequenos Empreendimentos Rurais (Feaper), o que representa um grande impacto para a economia local e um salto de qualidade para o setor.

Além de integrantes da SDR e da Emater/RS-Ascar, participaram da reunião representantes do Sindicato dos Trabalhadores Rurais (STR); do Colegiado de Desenvolvimento Territorial (Codeter); do Centro de Apoio ao Pequeno Agricultor (Capa); do Conselho de Desenvolvimento do Vale do Taquari (Codevat); da Secretaria do Planejamento, Gestão e Participação Cidadã (Seplag), da Coordenadoria Regional de Educação (CRE), da Associação dos Fumicultores do Brasil (Afubra) e da Escola Família Agrícola de Santa Cruz do Sul.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...