Certel Artefatos de Cimento amplia indústria e produz postes com até 40 metros

Além de industrializar postes de distribuição, agora a Certel Artefatos de Cimento, localizada no Distrito Industrial de Teutônia, também fabrica postes com até 40 metros de altura, destinados ao mercado gaúcho de transmissão de energia. O carregamento dos dois primeiros postes – com 32 metros de altura cada – ocorreu neste mês, sendo as estruturas comercializadas para a AES Sul e entregues para obra em Uruguaiana.

Com esta nova unidade industrial, a empresa supre a necessidade de um produto mais especializado. São postes expressivamente maiores e pesados, que exigem capacidade técnica mais aprimorada para serem desenvolvidos. Cada um dos postes de 32 metros conta com três mil quilos de aço e oito metros cúbicos de concreto, chegando a pesar 24 toneladas.

Segundo o gerente, Airton Roque Kist, a Certel Artefatos de Cimento tem capacidade de produzir um desses postes por dia, além de dois mil postes para linhas de distribuição por mês. Já há uma demanda de fábrica suprida para todo o ano e para os três primeiros meses de 2015. “É um mercado promissor, pois o Brasil tem que crescer e se desenvolver, e hoje não há infraestrutura energética suficiente. A Certel Artefatos de Cimento entra para suprir esta necessidade como a única indústria do Estado com capacidade para atender linhas de transmissão”, enaltece.

Além de já ter em seu rol de clientes a AES Sul, a empresa está iniciando uma parceria com a Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE) e está evoluindo para atender a Rio Grande Energia (RGE). “Também já somos fornecedores de uma empresa gaúcha que construirá uma linha de transmissão de energia eólica. Temos um produto competitivo e de extrema qualidade, o que nos dá respaldo para competir com as grandes indústrias do Brasil”, complementa Kist, ressaltando que a próxima meta é estruturar a equipe para atender o mercado de subestações.

Mais qualidade

Na visão do presidente, Erineo José Hennemann, com esta ampliação da indústria, a cooperativa dá a sua contribuição para incrementar o setor elétrico do Rio Grande do Sul. “É mais um meio de participarmos da melhoria na infraestrutura energética. Além de já termos todo o posteamento da nossa linha de distribuição em concreto, beneficiando mais de 64 mil associados consumidores em 47 municípios, estamos auxiliando para que outras empresas do ramo também ofereçam mais qualidade em seus serviços. Cumprimentamos cada um dos cerca de 100 colaboradores da indústria, que são os grandes responsáveis por mais esta conquista”, enfatiza o presidente.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...