Bovinocultura Leiteira é tema de Dia de Campo em Pouso Novo

Por meio da parceria entre o Sicredi Botucaraí e os escritórios municipais da Emater/RS-Ascar de Pouso Novo e São José do Herval, foi realizado na última semana, em Pouso Novo, um Dia de Campo sobre Bovinocultura Leiteira. A atividade reuniu cerca de 130 agricultores de São José do Herval, Fontoura Xavier, Coqueiro Baixo, Marques de Souza e Travesseiro, além do município sede, com os objetivos de melhorar a qualidade do leite produzido e promover a troca de experiências entre os envolvidos.

Dividida em duas etapas, a atividade contou com palestras na parte da manhã, realizadas no CTG Tropilhas da Serra. Na ocasião foram abordados os temas, “Perspectivas e tendências da atividade leiteira”, em painel ministrado pelo assistente técnico estadual em Bovinocultura Leiteira da Emater/RS-Ascar, Jaime Eduardo Ries, e “Como obter leite de qualidade”, que foi apresentado pelo coordenador do Centro de Formação de Agricultores de Teutônia (Certa), técnico em agropecuária da Emater/RS-Ascar, Maicon Berwanger.

Na parte da tarde houve atividade prática, na propriedade do agricultor Lucas Locatelli, da localidade de Barra do Fão. No local foram realizadas quatro estações, com os temas, higiene na sala de ordenha, criação correta da terneira, noções de dieta para vacas leiteiras e pastagens e piqueteamento. As estações foram conduzidas pelos extensionistas da Emater/RS-Ascar, Martin Schmachtenberg, Clari Pierezan Pereira, Maicon Berwanger e Marcelo Antônio Araldi Brandoli, respectivamente.

Para a bovinocultora de leite Verônica Brock Pozzebon, da localidade de Arroio do Leite, em Pouso Novo, o evento foi importante, especialmente pela possibilidade de adquirir conhecimentos em diversas áreas. “Pra gente é muito bom parar e aprender um pouco mais sobre a importância de um bom manejo de pastagens ou mesmo sobre a nutrição de bovinos, como forma de qualificar o nosso trabalho”, analisa a agricultora, que possui sete vacas em lactação, que produzem cerca de 100 litros diários.

O técnico em Agropecuária da Emater/RS-Ascar de Pouso Novo, Charles Fantin Machado, acredita ser importante o aprimoramento dos conhecimentos que envolvem a bovinocultura leiteira. “É uma forma de fortalecer a atividade”, analisa. A extensionista Social da Emater/RS-Ascar de São José do Herval, Laurita Scalco, afirma ser fundamental para o agricultor manter-se atualizado. “E não apenas estruturalmente, mas em conhecimento, pois não adianta apenas ter equipamento de qualidade se não souber usá-lo”, analisa. “Nesse sentido, o evento foi completo, por possibilitar a atualização e a aproximação entre produtores para o compartilhamento de experiências e de anseios em relação a atividade”, completou.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...