Assinado autorização para licitação do Trevo da ERS-129

Uma comitiva de Encantado, formada pelo prefeito Paulo Costi; presidente do Corepe 7 e vereador, Luciano Moresco; integrante do Codevat e vereador, Jonas Calvi; e demais vereadores, acompanhada por deputados estaduais, esteve no Palácio Piratini em Porto Alegre nesta quarta-feira, dia 1º, e foram recebidos pelo governador José Ivo Sartori.

Na ocasião, houve a publicação do edital de licitação para implantação do novo trevo da ERS-129 com a ERS-332 (conhecido como trevo do Peteba). O custo estimado da obra é de R$ 2,380 milhões, que serão viabilizados com recursos da praça de pedágio de Encantado, devendo estar concluída em março do próximo ano. Além disso, a Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR) vai construir a rua lateral no Bairro Santa Clara, na altura do Km 70 da ERS-129, de forma a ampliar o acostamento dando mais segurança a pedestres e motoristas que utilizam o trecho.

A contrapartida da Administração Municipal será alterações no trânsito das ruas no entorno do novo trevo tanto no Bairro Planalto como no Lago Azul, a retirada de postes de iluminação pública, bem como das paradas de ônibus, calçamento, meios fios e árvores (devidamente licenciadas para o corte). Também está sendo contratado pelo município o projeto elétrico para a execução destas mudanças. Nos próximos dias será encaminhado à Câmara de Vereadores o projeto de lei para a execução destas obras.

A reforma da rótula e a construção da rua lateral são reivindicações antigas da comunidade encantadense e regional. O prefeito Paulo Costi comemora a conquista. “Foram anos e anos de mobilização da comunidade e das lideranças. Estamos muito felizes, assim como todos que estiveram conosco participando da realização desta obra tão sonhada por nossa comunidade”. Moresco destaca que “Este é um momento importante. É mais um passo desenvolvido seja pelo Corepe, seja por outras entidades e lideranças que há mais de 20 anos sonham com essa obra”. O secretário estadual dos Transportes e Mobilidade, Pedro Westphalen, enfatizou que “esta é uma obra necessária e desejada, resultado da luta dos prefeitos e da região e conseguimos priorizá-la, pois passa por ali grande parte da produção do estado”.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...