Após incêndio, Dália Supermercados reabrirá na segunda-feira

A semana está sendo de trabalho intenso e dedicada à limpeza e à organização, além de contabilização dos prejuízos ocasionados pelo incêndio que atingiu o depósito do Dália Supermercados de Encantado no último sábado, dia 14.

De acordo com a direção da Dália Alimentos, o supermercado retornará às atividades normais na segunda-feira, dia 23, no horário normal de atendimento: das 8h30min às 19h, sem fechar ao meio-dia. A unidade em Arroio do Meio segue com atendimento normal.

O sistema operacional, incluindo rede lógica e de informática, deve ser totalmente regularizado até a sexta-feira. Ainda no domingo, um mutirão, organizado por funcionários, começou a fazer a limpeza da área atingida pelo fogo. Os trabalhos prosseguem durante toda a semana e, segundo o presidente Executivo da Dália Alimentos, Carlos Alberto de Figueiredo Freitas, ainda não foi concluída a contabilização dos prejuízos.

Peritos estiveram no local realizando a perícia para diagnosticar as circunstâncias do incêndio que deixou todo o depósito em ruínas. Durante a semana, toneladas de produtos incinerados foram recolhidas e encaminhadas a um aterro. O fogo iniciou-se por volta das 11h do último sábado e o trabalho da Brigada de Incêndio da Dália Alimentos e do Corpo de Bombeiros de Encantado, Lajeado e Estrela, estendeu-se pelo sábado e domingo.

No prédio atingido, situado nos fundos do supermercado e ao lado do edifício administrativo da Dália Alimentos, no Centro de Encantado, estava todo o estoque que abastecia os supermercados de Encantado e Arroio do Meio. Funcionários relataram que ouviram um estouro no segundo pavimento do depósito, local onde estavam alojados os papeis, e faíscam caíram sobre os fardos, ocasionando o início do incêndio. Alguns colaboradores ainda tentaram apagar as chamas com extintores, mas o fogo se alastrou rapidamente.

O incêndio destruiu o pavilhão recém reformado, retorcendo placas de aço e queimando toneladas de produtos em estoque. Cabos de fibra óptica, de telefonia e energia elétrica também foram danificados, assim como o sistema hidráulico, ocasionando a suspensão geral de todo o sistema operacional da empresa, que já foi recuperado.

Mais efetivo para os bombeiros

Freitas elogiou a atuação da Brigada de Incêndio da Dália Alimentos, que foi a primeira a tentar evitar que o fogo se alastrasse. “Temos uma equipe treinada e capacitada para tais situações. Com certeza eles fizeram toda a diferença e realizaram os trabalhos iniciais. Precisamos investir cada vez mais em nossa Brigada de Incêndio”, comenta.

O presidente também destaca o trabalho incessante da Brigada Militar e das guarnições do Corpo de Bombeiros de Encantado, Lajeado e Estrela, pelo empenho e dedicação durante o sinistro. Paralelamente, observa que o Vale do Taquari tem um grande Parque Industrial e que o efetivo do corpo de bombeiros é reduzido para atender a toda região. “É preciso pensar em aumentar o efetivo, pois o trabalho dos bombeiros em situações como essa é fundamental para evitar que as tragédias sejam ainda maiores.”

Parte da família

Freitas também enfatizou a reação e a comoção que o incêndio causou na comunidade. “Já tínhamos ideia do quanto a Dália é estimada na comunidade, na região, no Estado e no país. Mas depois de sábado, percebemos que as pessoas se sentem parte da cooperativa e que a destruição do prédio deixou muita gente entristecida e comovida.”

E complementa: “mais uma vez reforça-se o que já sabíamos: que grande parte da comunidade sente-se parte da Dália, torce pela cooperativa, deseja o seu bem e sabe da importância que ela tem econômica e socialmente.”

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...