Aldeia caingangue de Estrela está pronta

O trabalho para a construção das 29 casas, da escola, do centro comunitário e quiosque para a venda de artesanato está concluído na nova aldeia caingangue. A Planus Arquitetura, responsável pela obra, finalizou os acabamentos nas moradias, que estão prontas para serem ocupadas.

Apesar da paralisação das obras de duplicação da BR-386, anunciada em 25 de janeiro de 2016, a finalização da aldeia – parte do projeto financiado pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) -, não teve seu ritmo na construção alterado.

A entrega oficial da aldeia depende de uma vistoria técnica da Funai, que ainda não se manifestou sobre a possibilidade de ir até Estrela para dar sequência ao procedimento.

Iniciada em janeiro de 2014, a construção da nova aldeia tinha como objetivo principal reassentar os indígenas que foram retirados da área onde será pavimentada a segunda pista da BR-386. A previsão inicial para a conclusão dos trabalhos era dezembro de 2015. Porém, as diversas mudanças no projeto de duplicação da rodovia acabaram aumentando o prazo da construtora para entregar todo empreendimento.

A aldeia e a 386

O conjunto habitacional indígena custou R$ 8,5 milhões e foi incluído no orçamento da duplicação da BR-386, que até o momento já consumiu mais de R$ 180 milhões. Para os sete quilômetros restantes da duplicação está prevista a transferência de R$ 21 milhões, vindas de emenda parlamentar da bancada gaúcha no Congresso Nacional. Os valores ainda não foram disponibilizados para o consórcio Conpasul/Iccila, responsável pela duplicação da rodovia. Portanto, não há previsão de retomada dos serviços. O pedido para liberação da verba está na Casa Civil.

Relembre o caso

  • A ocupação da aldeia indígena começou em agosto de 2015, quando o Ministério Público Federal recomendou à Funai que a transferência de famílias fosse realizada. Na época, grande parte das moradias já estavam prontas e a permanência das famílias no antigo território inviabilizava o avanço da duplicação na estrada.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...