Acil reúne expositores da Expovale 2018

Às vésperas de iniciar a montagem dos estandes no Parque do Imigrante para 21ª Feira Industrial, Comercial e de Serviços – Expovale 2018, a Associação Comercial e Industrial de Lajeado (Acil) reuniu os expositores na noite desta quarta-feira (17) para repassar o regulamento e informações gerais relativas ao funcionamento da feira. O encontro ocorreu na sede da entidade, tendo à frente o vice-presidente desta edição, Miguel Arenhart, e a equipe do setor de eventos da Acil, sendo que os participantes ainda foram brindados com a palestra Exposição Focada em Resultados, ministrada pela consultora organizacional da Capital Verde, Raquel Winter Reali.

Arenhart explicou detalhes como horários, credenciamento, climatização dos pavilhões, acesso à internet, estacionamento e praça de alimentação. De acordo com ele, a montadora inicia os trabalhos no Parque no próximo dia 22 e a partir do dia 26 os funcionários da Acil estarão permanentemente no local para assessorar os trabalhos. O vice-presidente ressaltou que a Expovale é um evento importante para o Vale do Taquari e representa uma oportunidade para exibir os produtos e serviços das empresas locais. Agradecendo a confiança dos que estarão participando desta edição, ele exaltou: “A feira é construída a várias mãos e uma das mais importantes são vocês que acreditam no nosso potencial”. Arenhart projetou: “Vai dar tudo certo. Vamos fazer uma feira de deixar todo mundo com um sorriso no rosto e eu não tenho dúvidas de que o índice de satisfação será muito alto”.

 

Foco em resultados

Provocando a reflexão sobre o propósito de participar de exposições, Raquel abordou a importância de planejar e usufruir a feira de negócios não apenas para prospectar novos clientes, mas especialmente para desenvolver marcas, pessoas e pesquisas. Ela, que pela primeira vez será expositora na Expovale, destacou que a preparação para a feira deve ser focada em resultados, os quais podem ser evidentes, como é o caso do financeiro, ou institucional, que não pode ser mensurado imediatamente, pois consiste no legado deixado na memória dos visitantes. “É o que nossa marca, serviço ou produto vai transmitir para todos os públicos que estarão interagindo com a gente”, esclareceu. Raquel trouxe dicas que contribuem com esse objetivo, como a demonstração de inovações; a oferta de experiências e entretenimento; e a preparação das pessoas que estarão trabalhando para que estejam sintonizadas e engajadas com o propósito da empresa. Na sua avaliação, a Expovale faz parte da história da região e muita coisa acontece nela, por isso a necessidade de que todos percebam a feira como uma oportunidade para realizar negócios, fortalecer as marcas e testar novas estratégias.

Fonte Imprensa Expovale 2018

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...