A colaboração é vital para a inovação, ensina a consultora Thaís Reali em reunião-almoço da Acil

“A inovação é feita de pessoas e para pessoas. Inovação trata-se de entender as pessoas; e aquilo que elas querem e precisam. A verdade é que a inovação só pode ser alcançada pela colaboração,” afirma a diretora e sócia da Reali Hub for Innovation, Thaís Reali, que palestrou na reunião-almoço (RA) desta quinta-feira (11.05) promovida pela Associação Comercial e Industrial de Lajeado (Acil). A exposição intitulada “Onde a inovação e o resultado andam juntos: Case Wikihaus Incorporadora – Cine Teatro Presidente”, teve a presença de cerca de 100 lideranças empresariais, comunitárias e executivas.
Thais explica que as pessoas acreditam que para inovar precisam criar um produto novo, o que está errado. A inovação é encontrar novas maneiras de fazer algo que já é feito há muito tempo sempre do mesmo jeito. “Inovar é quebrar paradigmas. É sair do piloto automático e questionar as mínimas tarefas do dia-a-dia. É preciso se colocar no lugar de quem vai receber a inovação. É preciso praticar a empatia,” ensina.

Radar da inovação
A palestrante mostrou aos participantes o “Radar da Inovação – 12 dimensões de negócio que é possível inovar”. De acordo com Thais, as pessoas conhecem apenas quatro tipos de inovação, que são os mais comuns: oferta/produto, processo, nichos de mercado e novos canais ou pontos de venda. Atualmente além desses quatro, existem outros que completam as 12 dimensões; são elas: plataforma, soluções, experiências com o consumidor, captação de valor, organização, cadeia de fornecimento, relacionamento e marca.

Conceitos
Pela visão de Thaís, inovação é a cultura de transformar ideias novas em resultados, num plano mais abrangente. Dentro da inovação aplica-se o Design Thinking, que é a abordagem de inovação centrada em pessoas. Como ferramenta do Design Thinking temos a Co-Criação, que é o processo de inovação centrado e realizado pelas pessoas.

Wikihaus
A Wikihaus Incorporadora é uma empresa nova. Seus sócios proprietários possuem mais de 30 anos de experiência dentro de empresas tradicionais do mercado. A Wikihaus surgiu com a proposta de ser diferenciada, entregando algo inovador e desejando transformar cidades.
A Wikihaus é a primeira incorporadora que leva a colaboração a sério. Essa colaboração começa no desenho de produtos. É uma empresa que tem uma proximidade muito grande com todos parceiros e públicos dentro do seu formato de gestão. A empresa trabalha o conceito de construir juntos. Acredita nas metodologias participativas e colaborativa. Seus empreendedores trabalham forte a parceria ganha-ganha-ganha (clientes, empresas e comunidade). Ouvem todas as pontas da cadeia produtiva e trabalham em empreendimentos pensados a partir dos desejos das pessoas.
O Cine Teatro Presidente foi transformado pela Wikihaus, através do processo de co-criação, em condomínio de estúdios residenciais. Mais do que compartilhar espaços, o projeto transformou-se em retrato do estilo de vida de seus moradores, estimulando a integração, a sustentabilidade e a colaboração. É o primeiro projeto de coliving do Rio Grande do Sul. O projeto foi exitoso, conquistou inúmeros prêmios e destaques nacionais em diferentes veículos de comunicação e o Top de Marketing da ADVB/RS, de 2016, na categoria Construção de Relacionamento.

Realização
As RA de 2017 da Acil têm o apoio de Bebidas Fruki, BRDE, Excellence Garçons, Floricultura Flores e Flores, Lyall Construtora e Incorporadora, MSommer Produções, Olicenter Informática, Sorvebom e Têxtil Home.

 

Fonte Assessoria de Imprensa ACIL

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...